Prefeitura do Rio abre estande no maior evento de tecnologia do mundo, o Web Summit Lisboa

Com a participação no evento, a Prefeitura pretende promover a cidade, apresentando as atividades desenvolvidas nas áreas de inovação e tecnologia

Estande do Rio, no Web Summit Lisboa - Divulgação

O maior evento de tecnologia do mundo, o Web Summit Lisboa, já conta com o “Rio: capital of innovation and joy”, estande da Prefeitura do Rio de Janeiro, inaugurado nesta quarta-feira (2). Com a participação no evento, o poder público municipal pretende promover a cidade, através da apresentação das atividades desenvolvidas nas áreas de inovação e tecnologia. Impulsionamento do turismo e realização de negócios bilaterais também são objetivos do poder público municipal. O estande é resultado de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação e a Invest.Rio, agência de promoção e atração de investimentos da cidade.

O Web Summit Rio será realizado entre os dias 1º e 4 de maio de 2023, no Riocentro. A cidade foi escolhida pela organização do evento para ser a sua cidade-sede nos próximos seis anos. Atualmente, o Brasil conta com um parque de tecnologia e de startups em rápida expansão, abrigando 21 unicórnios, empresas que chegam a um valor de mercado de mais de US$ 1 bilhão. Em 2021, 10 empresas brasileiras atingiram o status de unicórnio. As startups nacionais arrecadaram US$ 9,4 bilhões – o triplo do que foi arrecadado em 2020.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação, Chicão Bulhões, afirmou que a participação do Rio no Web Summit permitirá atrair novos investidores e empresas para os negócios da cidade. Para isso, serão realizadas 30 reuniões bilaterais diárias, para conversar com o maior número possível de executivos.

“O nosso objetivo é apresentar os projetos da Prefeitura do Rio como capital da inovação e tecnologia do país, atrair novas empresas e investidores, além de convidar os presentes para a edição do evento no Rio. Nossa expectativa é de conversar com mais de mil executivos por dia, fazendo cerca de 30 reuniões bilaterais diárias”, disse Chicão Bulhões.

A comitiva carioca não vai ficar focada apenas nas atrações do evento. Ela também vai visitar os principais centros de inovação e instituições que compõem o bem sucedido ecossistema português, para replicar as suas melhores práticas no ecossistema carioca.

As informações são da radio Tupi.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui