Premiada pela Rio Music, escola de DJs já formou 27 mil profissionais

Rafael Araújo, CEO e cofundador da escola que tem unidades em sete cidades, sendo uma em Portugal, agora trabalha para expandir a marca também nos Estados Unidos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

A escola que completa 20 anos em 2024 foi premiada cinco vezes como Melhor Escola de DJs e Produção Musical pelo Rio Music Conference e Brasil Music Conference, maiores conferências do mercado de música eletrônica no Brasil, entre os anos de 2011 e 2016

De olho nesse mercado e no know-how da AIMEC, a prestigiada UCLA – University of California – convidou o líder da comunidade AIMEC, e único fundador ainda envolvido com a marca, para ser professor convidado do seu próprio curso de DJ e produção musical. Sobre o convite, Rafael Araújo comenta: “Justin Paul, professor da UCLA, conhecia o nosso trabalho e assim surgiu o convite”.

Araújo, que também foi convidado a integrar o Brooklyn Digital Conservatory – único brasileiro em um seleto grupo de profissionais do mercado digital da música do mundo todo em Nova Iorque – aposta no crescimento da AIMEC nos Estados Unidos. Fora do Brasil, a escola tem uma unidade em Lisboa, Portugal.

“Trata-se de um momento muito promissor pois agora o mercado dos Estados Unidos está se abrindo para uma arte mais de vanguarda e conceitual, terreno fértil para artistas, festivais, gravadoras e por que não escolas? Por isso percebo que existem grandes oportunidades para a AIMEC aqui pelos Estados Unidos“.

Advertisement
WhatsApp Image 2023 03 16 at 09.19.12 Premiada pela Rio Music, escola de DJs já formou 27 mil profissionais

A Indústria da Dance Music chegou ao valor de 8.2 bilhões de dólares em 2021, segundo o International Music Summit que divulga relatórios anuais. Essa indústria apresentou crescimento após a pandemia em setores como os eventos presenciais, e no geral, o mercado que mais cresceu foi o a América Latina, com 13%, sendo o Brasil o motor dessa equação. Segundo o mesmo relatório, no mundo todo são 30 mil artistas que fazem a base da indústria funcionar e cerca de onze milhões de “artistas casuais”.

O CEO da AIMEC tem uma carreira inteira construída na indústria do entretenimento. Da discotecagem nas casas noturnas dos anos 2000 à produção de grandes eventos para mais de 10 mil pessoas até selos fonográficos e programas de rádio. Rafael Araújo é bacharel em Rádio, Televisão e Multimídia pela Universidade Tuiuti do Paraná. Araújo foi homenageado duas vezes pela Câmara Municipal de Curitiba: uma em 2006 como Jovem Empreendedor e outra em 2019, no Dia Nacional da Cultura. Segundo dados da AIMEC, o CEO é o líder de um processo que já ajudou a construir a carreira de mais de 27 mil alunos: “Educando-os e orientando-os a realizarem seus sonhos e construírem uma carreira dentro do mercado profissional da música eletrônica na América Latina e Portugal”, como ele mesmo comenta.

A profissionalização dos novos artistas provou ser um mercado promissor e hoje uma realidade, finaliza Rafael Araújo: “Hoje temos escolas em oito cidades, dois países e nestes quase 20 anos , ano após ano mais gente se interessa pela música como profissão e nós estamos prontos para colaborar neste processo, tanto em português como em outros idiomas”.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Premiada pela Rio Music, escola de DJs já formou 27 mil profissionais
Advertisement
lapa dos mercadores 2024 Premiada pela Rio Music, escola de DJs já formou 27 mil profissionais
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui