Procon Carioca encontra irregularidades em supermercados da Zona Norte em fiscalização com foco na Páscoa

Dentre os problemas, foram identificadas ausência de preço nos produtos nas prateleiras, falta do Certificado de Aprovação do Corpo de Bombeiros e de licenciamento sanitário

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação/Prefeitura do Rio

Na semana da Páscoa, o Procon Carioca, vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania, realizou fiscalização em diversos supermercados da Zona Norte do Rio, averiguando as condições de comercialização dos produtos mais consumidos neste período, como alimentos, bombons e chocolates. A equipe percorreu os bairros do Engenho Novo, Engenho de Dentro, Méier e Tijuca. Foram vistoriados os supermercados Assaí, Extra, Guanabara, Mundial, Pão de Açúcar, Prezunic e Superprix.

Todos os estabelecimentos apresentaram irregularidades e, por conta disso, foram notificados. Dentre os problemas, foram identificadas ausência de preço nos produtos nas prateleiras, falta do Certificado de Aprovação do Corpo de Bombeiros e de licenciamento sanitário. Também foram encontrados produtos com data de validade e de fabricação ilegíveis.

O Assaí Atacadista, da Rua Dias da Cruz, no Méier, foi notificado por ausência de preço em diversos produtos e por publicidade enganosa, já que a oferta descrevia em letras garrafais como bacalhau o peixe tipo Saith.

Aos supermercados Extra e Pão de Açúcar, na Tijuca; Prezunic, no Engenho Novo; Supermarket e Superprix, na Tijuca, foram requisitadas, em notificação, a apresentação das notas fiscais de venda ao consumidor, dos últimos três meses, de produtos que estavam em promoção, com objetivo de apurar eventuais casos de publicidade enganosa.

Advertisement

Leia também

Taxas de condomínio disparam no Rio; confira bairros com valores mais altos

Conheça seis motivos para investir em uma pós-graduação

No Guanabara, no Engenho de Dentro; Supermarket e Superprix, na Tijuca, os agentes fizeram o descarte de alguns produtos que apresentavam validade e data de fabricação ilegíveis.

O Procon Carioca atua fiscalizando e intervindo quando houver lesão ao consumidor e para prevenção de ocorrência de novos danos. O objetivo é garantir que os direitos dos cidadãos sejam respeitados pelos fornecedores de serviços e produtos, mantendo-se, assim, o equilíbrio das relações de consumo”, disse Igor Costa, diretor executivo do Procon Carioca

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Procon Carioca encontra irregularidades em supermercados da Zona Norte em fiscalização com foco na Páscoa

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Se esses agentes fizessem vístas de olho biônico, puta que pariu, os mercados estariam todos lacrados, fechado ao público, o Vianense de Brás de Pina, é uma vergonha, a balança do caixa é instável no peso certo, eu mesmo já pedi reembolso por pagar demais pelo produto à peso, enfim, a fiscalização em geral é uma piada, sem contar q a corrupção deve rolar como bola de boliche, na caçapa.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui