Programa de Tv de Cláudio Castro terá 4m46s e Freixo 3m10s nas eleições 2022

Claudio Castro terá 468 inserções durante a campanha de Tv e rádio, enquanto Marcelo Freixo terá 311 e Rodrigo Neves 16e e Ganime 39

Foto de Expect Best/Pexels

O horário eleitoral gratuito será veiculado a partir desta sexta-feira, 26 de agosto a 29 de setembro, de segunda a sábado, com 50 minutos diários em rede (divididos em dois blocos de 25 minutos) no rádio e na tv. Além disso, serão destinados 70 minutos em inserções diárias de 30 e 60 segundos, de segunda a domingo, entre 5h e 24h.

No rádio, o primeiro horário será das 7h às 7h25, e o segundo das 12h às 12h25. Na televisão, a propaganda eleitoral gratuita será exibida das 13h às 13h25 e das 20h às 20h25. A transmissão acontecerá de segunda-feira a sábado em todas as emissoras de rádio e canais da TV aberta. A transmissão é obrigatória.

Cada dia da semana será dedicado a um cargo. De segundas, quartas e sextas-feiras, serão transmitidas, nesta ordem, propagandas dos candidatos a senador, a deputado estadual ou distrital e a governador. Os candidatos ao Senado terão, juntos, 5 minutos; candidatos a deputado estadual ou distrital terão, no total, 10 minutos; e os candidatos os candidatos a governador, 10 minutos.

Qual será o tempo de Tv e rádio dos candidatos a governador do Rio de Janeiro em 2022?

O governador Claudio Castro (PL) terá 4 minutos e 46 segundos de programa eleitoral, mesmo com uma sopa de leitrinhas fazendo parte da coligação Rio Unido e Forte, devido a mudanças eleitorais, apenas os 6 partidos com mais representantes eleitos em 2018 contam. E quem fará a maior diferença é o União Brasil, junção do PSL e DEM, que tem 1m34s, o PP dá 44s, MDB 39s, PL 38s, Rep 33s e o Podemos 19s.

Nas terças, quintas e sábados serão veiculados os programas dos candidatos a presidente e a deputado federal. O bloco de propaganda para cada cargo terá, igualmente, 12 minutos e 30 segundos.

Marcelo Freixo (PSB) pode, pela primeira vez, contar com um bom tempo de Tv, graças a uma forte coligação que lhe garante 2m55 de tempo de tv. Afinal, a federação PT/PCdoB/PV com 70 deputados eleitos lhe garante 1min2s1, enquanto PSDB/Cidadania dá 43s, seu atual partido, o PSDB, tem 37s e o antigo, o PSol, apenas 12s.

O ex-prefeito de Niterói, Rodrigo Neves (PDT), tem de dar graças pela entrada de PSD em sua coligação que dobrou seu tempo de Tv para 1min24s. Se fosse apenas o PDT seriam 32s, mais os 10s do Patriota, enquanto a presença de Felipe Santa Cruz garante mais 41s a chapa.

Enquanto o candidato do Novo, Paulo Ganime, vai suar para tentar ficar conhecido, são apenas 24 segundos de Tempo de Tv. Seu partido elegeu apenas 8 representantes em 2018, e não há nenhuma coligação.

Os partidos PSTU, PCB, DC, PRTB, PCO, PMN, PMB, Agir e UP não terão direito à propaganda gratuita no rádio e na TV por conta da aplicação da cláusula de barreira, em função dos seus desempenhos nas Eleições 2018.

Quanto terá de inserção publicitária os candidatos a governador do Rio de Janeiro em 2022?

As inserções são divulgações de 30 ou 60 segundos que serão veiculadas das 5h à 0h nos mesmos veículos. Cabe aos partidos e federações distribuírem suas cotas de divulgação igualmente entre as candidaturas majoritárias. Já as emissoras ficam encarregadas de distribuir em diferentes blocos ao longo do dia.

As inserções acabam sendo o diferencial em épocas de internet, streaming e Tv a Cabo, quando poucas pessoas assistem a programas eleitorais. Mas são poucos os que pulam o comercial da Tv.

Número de inserções para governador:

  • Cláudio Castro – 468
  • Marcelo Freixo – 311
  • Rodrigo Neves – 162
  • Paulo Ganime – 39

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui