Projeto de lei pede que órgãos públicos municipais disponibilizem repelentes gratuitamente no Rio

O projeto de lei será votado em primeira e segunda discussões e, se aprovado, fica sujeito à sanção do prefeito

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
This file is licensed under the Creative Commons Attribution 2.0 Generic license. - Foto: John Ragai

O vereador do Rio de Janeiro Felipe Michel deu entrada um projeto de lei voltado ao combate ao mosquito Aedes Aegypti. O texto determina que todos os órgãos públicos municipais, tais como escolar e unidades de atendimento de saúde, disponibilizem, de forma gratuita, repelentes de longa duração, entre os meses de dezembro e abril, período de maior incidência dos casos de dengue, zika e chikungunya.

O projeto prevê ainda um selo com a inscrição “este estabelecimento combate o aedes aegypti” às instituições privadas que aderirem à distribuição do repelente.

Estamos passando por um momento delicado e precisamos que todos se unam para combater esse mosquito. Qualquer ação neste sentido se faz necessária e a missão do legislativo é criar instrumentos para que os órgãos públicos possam contribuir para a diminuição dos casos da doença”, explicou Felipe Michel.

O projeto de lei será votado em primeira e segunda discussões e, se aprovado, fica sujeito à sanção do prefeito.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Projeto de lei pede que órgãos públicos municipais disponibilizem repelentes gratuitamente no Rio
Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Era só o que faltava… tanta coisa a se resolver e vereador achando que recursos públicos dão em árvore… tal como aqueles entusiastas defensores de políticas públicas para pets com hospitais – inclusive…
    Um estrangeiro conhecido certa vez achou inusitadas essas nossas políticas públicas bagunçadas que parecem não ter bom senso de prioridade. No país dele proprietários de pets tem que fazer seguro. Aqui o estado banca tudo. Vacina, hospital etc.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui