Projeto em Itaguaí oferece aulas de jiu-jitsu para pessoas com deficiência

Apoiada pela Prefeitura, a ação busca e leva o aluno de volta para casa

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Rui Okada

A Prefeitura de Itaguaí, por meio da Secretaria de Turismo e Esporte, tem promovido aulas de jiu-jitsu para pessoas com deficiência (PCD) entre as práticas esportivas oferecidas na quadra do Monte Serrat. A iniciativa faz parte do projeto Ação Esporte e Inclusão. Liderados pelo ex-campeão mundial André Seabra, os treinos acontecem todas as sextas, das 9h às 16h.

O professor conta que já trabalha com pessoas com deficiência há 25 anos e recebeu o convite para atuar no projeto após uma apresentação no dia da pessoa com deficiência, em setembro do ano passado.

O meu jogo é esse: fazer a diferença através do jiu-jítsu adaptado a cada patologia deles“, explica o campeão.

A iniciativa busca oferecer formas dos PCD’s serem mais ativos em seu dia a dia, seja realizando atividades individualizadas, que consideram as especificidades de cada pessoa, ou realizando atividades em grupo, que proporcionam socialização e interação. O importante é que a prática adaptada seja confortável e segura.

Advertisement

Leia também

Estrangeiros LGBTQIA+ estão comprando todos novos imóveis de Ipanema – Bastidores do Rio

TransBrasil inicia operações neste sábado, da Penha ao Terminal Gentileza

“Se existe um conselho que eu possa dar para quem quer trabalhar com alguém especial, é: faça com amor. Simplesmente amor“, completa.

Serviço
Para participar, os interessados devem comparecer à quadra do Monte Serrat levando RG, comprovante de residência e laudo médico do excepcional, de segunda a sexta, das 8h às 17h.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Projeto em Itaguaí oferece aulas de jiu-jitsu para pessoas com deficiência

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui