Projeto Tênis na Lagoa celebra 19 anos neste domingo

Tênis na Lagoa realizará sua tradicional festa nas quadras públicas da Lagoa Rodrigo de Freitas com as mais de 180 crianças que fazem parte do projeto

Foto: Divulgação

No próximo domingo (18/06), o projeto Tênis na Lagoa – Instituto Mirania Gomes Borges -, completa 19 anos de existência e realizará sua tradicional festa nas quadras públicas da Lagoa Rodrigo de Freitas, a partir das 10h. As mais de 180 crianças que fazem parte do projeto vão brincar, lanchar, participarem de sorteios, baterem uma bolinha e cortarem o tradicional bolo. O evento terá a presença do padrinho do projeto social de tênis mais longevo do Rio de Janeiro, a lenda Thomaz Koch, um dos maiores tenistas da história do Brasil.

Alexandre Borges, coordenador do projeto, falou sobre a marca alcançada: “completar 19 anos representa felicidade, gratidão às pessoas que passaram por aqui e nos ajudaram. Esperamos conseguir mais apoio, quem sabe um patrocínio para impactar mais crianças e ver o sorriso delas cada vez mais forte”.

Fundado em 2004 por Alexandre Borges, professor e apaixonado por tênis desde a infância, o Projeto Tênis na Lagoa – Instituto Mirania Gomes Borges surgiu inicialmente como uma iniciativa particular para atender crianças e adolescentes de comunidades carentes do Rio de Janeiro. Em 2020, o projeto tornou-se Instituto Mirania Gomes Borges em homenagem à mãe de Alexandre.

Com o objetivo de promover o desenvolvimento humano e a inclusão social por meio da prática esportiva, o projeto utiliza as quadras públicas localizadas em frente ao Clube Monte Líbano, na Lagoa Rodrigo de Freitas. Teve início assim a oferta gratuita de aulas de tênis para a população em vulnerabilidade social da região.

Tendo como princípios a construção coletiva, o respeito à diversidade, a educação integral e a autonomia, o Tênis na Lagoa começou atendendo inicialmente cerca de 60 crianças de comunidades próximas. Hoje, mais de 180 crianças e adolescentes são atendidos pelo projeto não apenas com aulas de tênis, mas acompanhamento psicológico, aulas de inglês e yoga, passeios educativos, entre outras atividades. Aqueles que se destacam têm ainda a oportunidade de integrar a equipe de competição, representando o Tênis na Lagoa em viagens por todo o país e até pelo mundo.

Atualmente, Alexandre conta com a ajuda de sua esposa, Paula Borges, um grupo de voluntários e alguns apoiadores conhecidos, como o ex-tenista Thomaz Koch, padrinho do projeto desde a sua fundação. Dezoito anos após o início das atividades, 4.500 crianças já tiveram sua vida impactada pelo Tênis na Lagoa. O Projeto Tênis na Lagoa atende crianças e adolescentes das comunidades carentes da Rocinha, Vidigal, Cruzada, Cantagalo, Tabajara, Pavão-Pavãozinho, Rio das Pedras, Muzema entre outros na capital carioca.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui