Qual é a boa? Niterói recebe nova edição do MNFST neste sábado

Festival dedicado à música eletrônica ganha versão pocket e gratuita no Museu de Arte Contemporânea

Neste sábado, dia 27 de maio, Niterói será palco de uma nova edição do festival MNSFT (pronuncia-se Manifest). O projeto, dedicado à música eletrônica, é um dos produtos proprietários da Dream Factory e ganha uma versão no Museu de Arte Contemporânea – MAC.

Com a curadoria artística de Claudio Rocha Mirando Filho e da parceria do Cocada Music assinando o line-up, o festival conta com a música eletrônica como fio condutor dessa experiência e reforça ainda mais seus pilares apoiados em música, arte e natureza. No line up estão Bruce Leroys & Erica, Nu Azeite e, ainda, Larissa Jennings & Leo Janeiro. Completam as atrações Paula Lles com uma live painting e também a performer Organzza.

“Eventos como esse reforçam nosso compromisso em criar experiências que se conectam culturalmente com uma comunidade”, comenta Tati Nunes, Head de Experience da Dream Factory.

“O Cocada vem para potencializar o trabalho de artistas brasileiros e latinos que mesclam as nuances da eletrônica com influências musicais locais de suas cidades, consolidando-se como uma proposta diferente da dance music”, completa Leo Janeiro do Cocada Music.

As apresentações serão realizadas para todos os públicos e sem restrição de faixa etária. A entrada, gratuita, está sujeita à lotação máxima. Haverá, também, acessibilidade através de áudio descrição do evento.

Além das apresentações tendo como cenário uma vista incrível, o espaço contará com bar onde os participantes poderão comprar comidas e bebidas através de sistema cashless, reforçando o compromisso com a sustentabilidade.

O MNFST conta com patrocínio da cerveja Becks e da Secretaria de Economia e Cultura do Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Atrações:

Bruce Leroys – Duo de música eletrônica formado por Marcelo Abreu e Diogo Vaille. Se destaca por suas performances ao vivo e músicas de diferentes estilos como Deep-House e Nu-Disco/Indie. Além de lançamentos em selos renomados, marca presença nos principais palcos do gênero.

Erica – Cantora, DJ e produtora do Rio de Janeiro conhecida por suas apresentações live act que misturam electro, house, break e pós punk. É fundadora do selo Baphynaphyna.

Nu Azeite – Duo carioca composto por Bernardo Campos e Fabio Santanna. Incorpora elementos do boogie, disco, house, soul e funk, criando um som autêntico e moderno. Com dois álbuns e diversos singles, o duo já se apresentou em eventos importantes da cena nacional.

Larissa Jennings – Artista múltipla, tatuadora, pintora e DJ residente da “Festa até as 4”. Com um estilo abrangente, ela apresenta sets irreverentes e adaptáveis que exploram a intersecção do house com outras vertentes.

Leo Janeiro – Artista ico?nico da cena eletro?nica brasileira que ja? soma 25 anos como DJ e afins (produtor musical, agitador cultural, curador, A&R), hoje encabec?ando projetos importantes como a sua label Cocada Music que tem como objetivo dar espaço a artistas latinos/ brasileiros e suas sonoridades dançantes.

Paula Lles – Artista visual gaúcha que atua no Rio de Janeiro. Se envolve em projetos artísticos intimistas em diversas áreas como arte urbana, ilustração e produção de telas e painéis buscando a resignificação da arte como instrumento de comunicação social.

Organzza – Drag queen, artista visual e performer que inspira no movimento afrofuturista e no Carnaval carioca para criar performances com figurinos alegóricos e narrativas criativas.

Renata Granchi
Renata Granchi é jornalista e publicitária com mestrado em psicologia. Passou pela TV Manchete, TV Globo, Record TV, TV Escola e Jornal do Brasil. Escreveu dois livros didáticos e atualmente é diretora do Diário do Rio. Em paralelo, presta consultoria em comunicação e marketing para empresas do trade.
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui