Quase 1,5 milhão de pessoas não completaram o esquema vacinal contra Covid-19

Secretaria municipal de Saúde convocação às pessoas que ainda não tomaram as doses de reforço contra a doença

Imagem meramente ilustrativa de vacinação no Rio de Janeiro
Imagem meramente ilustrativa de vacinação no Rio de Janeiro - Foto: Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro (SMS) está fazendo uma convocação às pessoas que ainda não tomaram as doses de reforço contra a doença, para comparecerem o quanto antes a um posto de vacinação. Atualmente, a cidade tem 1,4 milhão de pessoas que não retornaram aos postos de vacinação para tomar a terceira ou a quarta doses.

O município do Rio tem um cenário epidemiológico razoavelmente tranquilo. Tivemos uma onda recente, com aumento expressivo do número de casos, mas que já está em declínio e, para que isso se mantenha, é fundamental o esquema vacinal completo, com as duas doses primárias e as duas doses de reforço. Hoje temos cerca de 30 pessoas ainda internadas com quadros mais graves de covid-19, sendo que 98% delas não tomaram o reforço da vacina”, disse o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz.

No Rio, a última onda foi mais curta e com uma das menores taxas de letalidade, de 0,4%. Isso se deve à cobertura vacinal de reforço.

Soranz ainda completou: “esse é um resultado bem favorável, mas com o contingente de pessoas que ainda temos sem as doses de reforço, a situação se mantém preocupante. Com o tempo, a gente sabe que a proteção da vacina vai diminuindo, principalmente em idosos. Por isso as doses de reforço são fundamentais. Se as pessoas não voltarem para a terceira e quarta doses, podemos ver o cenário epidemiológico da cidade sair do controle”.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui