Quem são as empresárias que investiram em influenciadoras para alavancar negócio milionário

Negócio digital foi criado após perceberem que clientes chegavam na loja com fotos das blogueiras pedindo modelos semelhantes

Em 2017, as irmãs Maria Claudia, biomédica, e Daniela Andrade, enfermeira, abandonaram suas profissões de formação para apostar em um novo negócio: um e-commerce de óculos feminino de grau. Nascia assim a marca Menina Flor e um negócio que hoje vale milhões.

Antes de criar o negócio 100% digital, as irmãs já tinham tido uma pequena loja de óculos e viram um fato se repetir: as clientes chegavam na loja com fotos das blogueiras pedindo modelos semelhantes de armações. A oportunidade e a percepção comercial logo tornaram a marca conhecida através da parceria com blogueiras e influenciadoras.

O perfil da marca no Instagram conta atualmente com quase 800 mil seguidores, grande parte deles trazidos por influenciadoras de sucessos que fizeram publipost para a marca.

“O marketing de influência é real e pode alavancar o negócio, se for bem feito. Entendemos que nosso público principal são mulheres, de 20 a 35 anos e apostamos em nomes conhecidos, que conversam bem com esse público. O resultado veio não só em número de seguidores, mas também no aumento das vendas no site.” – destaca Maria Claudia.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui