Quinto Andar anuncia aluguel de apartamento infestado de cogumelos: após denúncia, material é retirado do ar

Jornalista que alugou o imóvel postou fotos na unidade das redes sociais. O post alcançou 3,3 milhões de visualizações

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imóvel estava infestado de fungos que cresceram nas paredes infiltradas / Reprodução

No Rio de Janeiro, o aluguel de um apartamento chocou não somente cidadãos e internautas, como também o mercado imobiliário fluminense. O jornalista João Brizzi, que havia alugado um apartamento na imobiliária digital Quinto Andar, teve uma desagradável surpresa ao receber o imóvel. A unidade simplesmente estava cheia de cogumelos espalhados pelas paredes infiltradas.

O jornalista tirou fotos da situação surreal e as divulgou na internet. A estupefação foi generalizada. Na postagem, que atingiu a marca de 3,3 milhões de visualizações, Brizzi comunicou que, obviamente, deixaria o apartamento por conta dos fungos e das infiltrações. De acordo com o relato de João Brizzi, a degradação do imóvel era tamanha que 60 cogumelos apareceram ao mesmo tempo, crescendo mais de 10 centímetros por dia.

O fato mais comentado foi que o Quinto Andar, mesmo após a denúncia e a saída do jornalista sem a solução dos problemas por parte dos proprietários do imóvel, voltou a postar o anúncio da unidade em sua plataforma, com infiltrações e mesmo infestada de cogumelos.

Para justificar a republicação do anúncio, a proprietária do apartamento entrou em contato com João Brizzi para informá-lo que a unidade será reformada. Já a Quinto Andar comunicou que o anúncio havia sido retirado da sua plataforma. A empresa também ressaltou que, após o caso, investirá em ferramentas para melhorar o controle de qualidade das suas publicações, para evitar que outras pessoas passem por momentos inconcebíveis pelos quais João Brizzi passou.

Advertisement

As informações são da Veja Rio.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Quinto Andar anuncia aluguel de apartamento infestado de cogumelos: após denúncia, material é retirado do ar
Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. Ôôôôô gente sem noção! O recado é claro.
    Quinto andar é a altura razoável de onde um cidadão deve pular se quiser cometer suicídio . . .
    Dessa altura só pula quem quiser, de fato, se suicidar.

  2. Tem muito proprietário de imóvel, pessoa física ou jurídica, além de empresa intermediária, ou administradora, locadora ou corretora, que são verdadeiros caça-níqueis…
    Nessa Quinto Andar não busco de jeito algum.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui