Quiosques vão ter licenças cassadas por uso irregular de espaço no Réveillon do Rio

Durante a virada do ano, diversos estabelecimentos venderam ‘cercadinhos vips’ nas areias das praias de Copacabana e Leme

Réveillon 2023 na Praia de Copacabana - Foto: Júlio Guimarães/Riotur

Mais de 23 barracas e quiosques fizeram cercadinhos ilegais na noite de réveillon nas praias de Copacabana e do Leme, na Zona Sul do Rio de Janeiro. De acordo com a Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEOP), a ação é proibida e esses estabelecimentos serão multados e terão suas licenças cassadas.

A SEOP ainda informa que durante a virada do ano os donos dos locais faturaram alto, pois o valor cobrado pelos lugares, com mesas e cadeiras, chegou a até R$ 700,00.

A Seop alerta que o número de barracas e quiosques irregulares ainda pode aumentar, caso receba imagens que comprovem a ocupação irregular da areia.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui