Quiropraxia nas etapas do Circuito Carioca de Surf

Por André Delacerda

Victor Ribas aproveitando pra dar uma soltada no ombro e na cervicalLucas Rech é um daqueles profissionais de saúde que tem a cara do Rio. Tem a jovialidade do carioca, pratica esportes radicais como o surf, e busca ter uma vida bem natural, e com habitos como o da alimentação bem equilibrada. O que vêm de encontro com o que o carioca cultua: uma vida saudável.

Conversando com ele sobre surf e Quiropraxia, e tomei conhecimento deste artigo do mesmo, que tem excelentes dicas para os praticantes do surf. O que tem tudo haver com saúde e esporte, já que o Rio é uma Cidade Esportiva, e também uma Cidade Olímpica.

Então deixo vocês agora com as explicações e dicas do Dr. Lucas sobre como melhor se preparar para o surf.

Tratando com manobras em que se observa resposta imediata, a Quiropraxia foi muito bem vinda e elogiada pelos atletas durante a Etapa Vivo de Surf Profissional ocorrida no Arpoador, na praia de Ipanema. O Quiropraxista, Lucas Rech, teve muito trabalho avaliando, tratando e orientando os mais de 70 atletas atendidos. Queixas como dores nos ombros, nas costas, pescoço, rigidez da coluna, dores nos joelhos e tornozelos estavam entre as mais freqüentes. Atletas como o Campeão da Etapa Victor Ribas e Ian Consenza que já se beneficiaram da Quiropraxia foram – como dizem os atletas– “dar uma soltada no esqueleto” antes de suas baterias.

A Quiropraxia é uma profissão na área de saúde que se dedica ao diagnóstico, tratamento e prevenção de alterações do sistema músculo-esquelético (articulações, músculos, tendões e ligamentos) e os efeitos destas alterações sobre o sistema nervoso e a saúde em geral. Há uma ênfase em tratamentos manuais, incluindo a manipulação e ajustamento das articulações (coluna vertebral, ombros, cotovelos, punhos, quadris, pernas e pés). A Quiropraxia enfatiza o poder natural do corpo para recuperar a si mesmo (homeostase), portanto não inclui o uso de drogas ou cirurgias. Os pacientes que necessitam destes tipos de intervenção são encaminhados para atendimento médico.

As técnicas quiropráticas tratam subluxações e assim devolvem e conservam a mobilidade e o espaço articular, mantendo a função/mobilidade articular, desacelerando o processo degenerativo natural e impossibilitando a compressão das raízes nervosas e nervos periféricos. Estas compressões bloqueiam ou aumentam o fluxo de informações do Sistema Nervoso, o que, em última instância, impede o organismo de manifestar a máxima saúde. Subluxações são fixações ou “desalinhamentos” causados por enrijecimento dos tecidos moles (músculos, tendões e ligamentos) que dão função a uma articulação.

Ajuste de ombro Ian Além do trabalho manual de manipulação, alongamento e mobilização das articulações e músculos, os atletas são orientados sobre quais são os mecanismos de lesão da coluna e de outras articulações para que adotem uma postura adequada dentro e fora da água para evitar lesões e episódios de dor. São prescritos exercícios e alongamentos específicos para cada atleta e esclarecidas as dúvidas da galera.

Dicas para uma vida Surfística de Qualidade

Antes do surf – Aquecimento

O importante antes do surf é aquecer os músculos. Combine um exercício cardio respiratório com movimentos de todo o corpo. Mexa braços e pernas até transpirar (por ex.: correr, girar braços, pular, movimento da remada, polichinelos) e faça um leve alongamento.

Antes do surf – Aquecimento – Alongamento

O alongamento prévio ao surf deve ter a finalidade do aquecimento e não de ganhar flexibilidade, pois o músculo logo será encurtado durante a remada. Deve-se se alongar a 80% de sua capacidade de alongar. O alongamento para ser mais efetivo no ganho de flexibilidade deve ser feito com mais intensidade (acima de 100%) três horas antes ou depois do surf ou de qualquer atividade que envolva força muscular. O surf é uma atividade classificada como anaeróbica-aeróbica, ou seja, os esforços se dividem entre respiração (coração / pulmão) e força muscular. O alongamento excessivo antes do surf deixa as articulações (coluna, quadril, ombros, joelhos, pés) vulneráveis a lesões.

Pós surf.

O mais importante é alongar, se hidratar, comer e descansar, nesta ordem. Alongue todo o corpo e faça o exercício de compensação da coluna lombar 3 vezes, permanecendo na posição por 15 segundos. Coma um alimento rico em carboidratos e proteínas e se reidrate. Descanse para guardar energia para o próximo banho.

Dicas de Alongamento

Cuidado ao alongar para frente. Este alongamento não é necessário pois alonga excessivamente as costas, comprimindo o disco intervertebral e aumentando o risco de uma lesão no disco. O mesmo alongamento pode ser feito de pé apoiando uma das pernas acima da linha de sua cintura.

Compense a inclinação para frente fazendo o movimento para trás com a palma da mão apoiada nos glúteos e os dedos para baixo. Esse movimento preserva a curva da coluna lombar e a saúde dos discos intervertebrais, prevenindo dores e lesões.

Dentro da água.

Procure pelo menos a cada meia hora ficar sentado na prancha com a rabeta para fora da água com o corpo na linha vertical. Quando o bico está para fora da água, sua coluna lombar perde a curva normal, fazendo pressão no disco intervertebral. Com a rabeta da prancha pra fora da água, você faz a curvatura normal da coluna lombar, alivia o peso nos discos intervertebrais da coluna, melhora a postura dentro e fora da água, diminui a probabilidade de eventuais dores e lesões e prolonga a saúde de sua coluna.

001 Uma área em que os quiropraxistas mais se destacam é a desportiva, especialmente com relação aos atletas de elite. Nos dois últimos Jogos Olímpicos, os Estados Unidos incluíram no seu time de cinco médicos, um quiropraxista. Nas Olímpiadas de Atlanta a maior parte dos times olímpicos internacionais já estava utilizando quiropraxistas. Donovan Bailey do Canadá, vencedor da medalha de ouro nos cem metros, e Xeno Muller da Suíça vencedor da medalha de ouro na categoria de single scull, foram dois dos muitos atletas que deram uma consideração especial para os seus quiropraxistas, por terem aumentado o seu desempenho e os mantidos longe das lesões. Desde a Copa do Mundo de Futebol de 1994 nos EUA, a seleção americana, entre outras, já se beneficiava da Quiropraxia. Nas competições profissionais de golfe, surfe, voleibol, jiu-jitsu, fisiculturismo e rodeios, para mencionar apenas algumas, os atletas já desfrutam dos benefícios da Quiropraxia. Em Kona Hawaii, na competição mais árdua do mundo, The Ironman, quiropraxistas estão sempre ocupados tratando os triatletas antes e depois da competição. No último “Jogos Panamericanos”, mais de 30 Quiropraxistas estavam presentes, 3 deles na delegação brasileira.

Os atletas campeões de boxe Evander Holyfield e Popó, de surfe Tom Curren, Kelly Slater, Victor Ribas, Evaristo Ferreira e de golfe Tiger Woods, assim como os atletas olímpicos com medalhas de ouro em decatlo Dan O’Brien, nos cem metros Donovan Bailey, e de voleibol de praia Karch Kiraly, todos eles recebem manipulação regularmente por chiropractors/quiropraxistas para o tratamento de dores de coluna, dores de cabeça devido à tensão nervosa, enxaquecas, dores musculares, hérnias de disco, e problemas bio-mecânicos e neuro-músculo-esqueléticos.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui