Restaurante Galeto Bicão reabre no Centro do Rio em janeiro de 2023

A especialidade do restaurante de 73 anos, que reabre na Rua Senador Dantas, é o preparo de carnes na brasa.

O Send, edifício retrofitado, será entregue em novembro / Divulgação

O tradicional restaurante Galeto Bicão vai reabrir em janeiro de 2023. A casa interrompeu seu serviço devido às obras de retrofit pela WTORRE, que comprou o prédio onde funciona desde 1949 uma das mais famosas casas de galeto do Centro. O edifício já está pronto e foi transformado em condomínio residencial.

Localizado na Rua Senador Dantas, 84, o Galeto Bicão é um nome tradicional da gastronomia do Centro, com 73 anos de funcionamento. Sua especialidade é o preparo de carnes na brasa; o restaurante ficou conhecido também pelas suas grandes porções e pelo tempero especial. Foi pioneiro nas entregas de seus pratos pelos escritórios do Centro, numa época em que as entregas não eram ainda tão comuns.

Antes do fechamento, o estabelecimento se destacava por seu delicioso frangão na brasa, uma grande variedade de petiscos e o famoso sanduíche de churrasco. A expectativa é que o cardápio se mantenha parecido após a sua reabertura, que é muito esperada pelos clientes antigos. “A retomada do Centro é uma grande realidade; claro que com o problema da falta de cuidado com os espaços públicos pelas autoridades, o negócio está mais lento. Porém, em pouco tempo, grandes nomes como a Vivian Festas, as Casas da Mamãe, o Tubarão Atacadão, as franquias Cheirin Bão e muitos outros nomes anunciaram a vinda para região. Os anúncios são praticamente diários. Se a prefeitura fizer a parte dela, a coisa anda mais rápido. Estamos atendendo diversos grandes nomes do comércio nacional, que estudam a vinda ou o retorno para a região”, disse ao DIÁRIO o diretor de novos negócios da Sergio Castro Imóveis, Marcus Vinícius Ferreira, que atua na região continuadamente há mais de 70 anos.

O Shopping Paço do Ouvidor é o ponto de encontro no Centro do Rio. Passa no Paço

O Send, edifício onde ficará o restaurante, tem esse nome em referência ao nome da rua onde está localizado. Ele pertencia à família Peixoto de Castro e foi comprado pela WTorre, que o transformou. As obras de retofit duraram dois anos e foram realizadas por três escritórios de arquitetura: A+ (projeto executivo), Ideal Arquitetura (projeto legal) e Cité Arquitetura (fachada e interiores). A região tem grandes hotéis e praticamente integra à Cinelândia.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui