Resultados da Libertadores colocam Flamengo e Fluminense em situações opostas

No Flamengo, a eliminação agrava uma crise interna às vésperas de um jogo decisivo, também contra o Grêmio, que definirá se o Rubro-Negro disputará ou não a final da Copa do Brasil.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Bruno Cantini / Atlético

As oitavas de final da Copa Libertadores terminaram com destinos opostos para a dupla Fla-Flu. Enquanto o Fluminense venceu o Argentinos Junior por 2 a 0 no Maracanã na noite da última terça-feira (8), avançando para as quartas de final, o Flamengo sofreu uma derrota chocante de 3 a 1 para o Olimpia na casa do adversário, na capital paraguaia, na quinta-feira (10).

O desfecho deve ter consequências para ambos os clubes cariocas nas outras competições em que estão envolvidos. O Fluminense, por um lado, seguirá ocupado com a Libertadores – mas, por outro, a classificação gerou um otimismo na busca para se manter no G-4 do Campeonato Brasileiro, que mesmo após a derrota da equipe neste domingo (13), contra o Grêmio, ainda deixa a torcida animada.

No Flamengo, a eliminação agrava uma crise interna às vésperas de um jogo decisivo, também contra o Grêmio, que definirá se o Rubro-Negro disputará ou não a final da Copa do Brasil. Confira como usar o Código Promocional Solverde para dar seus palpites sobre as próximas partidas da dupla Fla-Flu.

FLUMINENSE

No Fluminense, depois da classificação para as quartas de final da Libertadores sobre o Argentinos Junior nesta terça-feira (8), o foco é no Brasileirão. Isso porque a partida deste domingo (13), contra o Grêmio em Porto Alegre, é decisiva para que o Flu se sustente na zona de classificação para a copa continental.

Advertisement

O clube carioca entra na rodada deste fim de semana, a 19ª da atual temporada do Brasileirão, em terceiro lugar com 31 pontos. O Grêmio está na sexta colocação, mas a diferença entre os dois é de apenas um ponto. O Tricolor gaúcho havia passado várias temporadas em segundo lugar, mas saiu do G-4 devido a uma derrota inesperada para o Vasco na temporada passada e por ter um jogo pendente de uma rodada anterior.

O Tricolor carioca busca se aproveitar do fato de não ter compromissos durante a semana que vem, enquanto o Grêmio tem na agenda o jogo de volta contra o Flamengo pela Copa do Brasil. Os treinos do Fluminense começaram nesta quinta-feira (10).

Um problema para o Flu é a série de desfalques pelas quais o time passa devido a cartões amarelos. Entre eles estão Felipe Melo, Lima e John Kennedy. O técnico Fernando Diniz, porém, conta com os reforços de André e Nino, além da manutenção de Marlin e Martinelli na equipe titular.

Em entrevista no CT do Fluminense, Samuel Xavier confirmou que o treino desta quinta (10) foi focado no Grêmio, mas reforçou que a equipe também se preocupa com a Libertadores. “Queremos buscar títulos e para quem busca títulos tem que encarar todos os jogos como decisão. Estamos encarando o Campeonato Brasileiro como uma decisão […] Estamos focado no Brasileiro e na Libertadores”, disse o artilheiro”.

FLAMENGO

O Flamengo, com sua surpreendente derrota contundente para o Olimpia, se vê agora imerso em uma situação bem mais pessimista que aquela do seu arquirrival vermelho e verde. O Rubro-Negro entra em campo neste domingo (13) contra o São Paulo no Maracanã. Três dias depois, o Flamengo recebe em casa o Grêmio para o jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil.

O Fla havia vencido o jogo de ida contra o Grêmio, em Porto Alegre, por 2 a 0, uma vantagem vista como intransponível. A equipe carioca, porém, também era considerada favorita contra o Olimpia.

Por ora, a direção rubro-negra manterá no cargo Jorge Sampaoli, apesar do crescente afastamento do técnico com relação ao resto da equipe, conforme relatos apurados pela imprensa. Segundo o portal Trivela, os dirigentes não acreditam que Sampaoli seja o único culpado pelo momento ruim do Flamengo e culpam também a queda de rendimento de figuras importantes, como Everton Ribeiro e Gerson, além da postura pouco agressiva dos atletas em jogos importantes.

A confirmação da classificação para a final da Copa do Brasil se tornou, assim, um fator decisivo para Sampaoli – e também para o próprio Flamengo, que, com a eliminação precoce na Libertadores, enfrenta agora um rombo nas suas contas. O clube esperava chegar às semifinais da copa continental. Com a eliminação para o Olimpia, o Fla faturou apenas R$ 25 milhões dos R$ 44,5 milhões que esperava.

É difícil imaginar como Sampaoli poderia se manter no comando caso o Grêmio consiga reverter a vantagem rubro-negra na próxima quarta-feira (16). O clima está tenso nos bastidores não só pelas derrotas recentes do time, como a derrota para o Cuiabá no Brasileirão, mas também pela agressão relatada pelo atacante Bruno por parte do preparador físico da comissão de Sampaoli, Pablo Fernández.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Resultados da Libertadores colocam Flamengo e Fluminense em situações opostas
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui