Rio começa o ano com 253 bandidos foragidos da Justiça andando pelas ruas

Dos 1.785 presos liberados na Visita Periódica ao Lar (VPL), a saidinha de Natal, 14% não voltaram para os presídios onde cumpriam pena. Entre os fugitivos estão 2 chefes do Comando Vermelho

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Vista do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu | Foto: Reprodução/TV Globo

O Rio de Janeiro começa 2024 com 253 bandidos foragidos da Justiça. Os marginais foram liberados no âmbito do benefício da – a “saidinhas de Natal” -, com a qual foram beneficiados 1.785 presos, que saíram das prisões onde cumpriam pena às 6h de 24/12 do ano passado, para passarem o Natal com suas famílias. Os detentos tinham até às 22h do dia 30 como prazo de retorno, mas não apareceram. Isso os coloca na condição de fugitivos. As fugas correspondem a 14% em relação ao período anterior, que registrou 42% de foragidos no VLP.

A Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap) informou que entre os detentos foragidos estão dois ex-líderes do Comando Vermelho (CV): Saulo Cristiano Oliveira Dias, o SL; e Paulo Sérgio Gomes da Silva, o Bin Laden – chefe tráfico do drogas na favela Dona Marta, em Botafogo, na Zona Sul. O primeiro foi preso em São Paulo, em 2013, juntamente com o comparsa Luiz Fernando do Nascimento Ferreira, o Nando do Bacalhau, considerado como de alta periculosidade pela Justiça.

Em 2022, a Câmara dos Deputados aprovou a proposta PL 2.253/22 contra as “saidinhas” e os “saidões”. A Casa só espera a aprovação do Senado para colocar em prática o PL, que prevê a monitoração eletrônica dos bandidos em cumprimento de regime semiaberto ou condicional.

Como condição para a progressão de regime, o PL prevê ainda a realização de exames criminológicos baseados em análise psicológica e avaliação da conduta do apenado, conforme defende o ex-juiz Sérgio Moro. O senador lançou mão da medida quando era juiz de execução penal no presídio federal de Catanduvas (PR).

Advertisement

Leia também

Proposta do BNDES para o Centro do Rio inclui calçadões e parque no Canal do Mangue

Há quarenta anos fazendo fantasias com materiais recicláveis, ex-empregada doméstica se destaca em concursos e tem fotos espalhadas pelo mundo

Informações: O Antagonista

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Rio começa o ano com 253 bandidos foragidos da Justiça andando pelas ruas

Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Integrante de facção criminosa preso em 2013 e ganhou a rua sabendo que fugir (não é outro crime pelo qual responderia) então decidiu não retornar… se capturado o máximo que haverá é continuar cumprindo de onde parou… isso até outro benefício e novamente fugir…
    As leis brasileiras são uma maravilha para os criminosos…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui