Rio Convention & Visitors Bureau aprova Plano de Ação para 2023

Fortalecimento da marca Visit Rio e captação de eventos esportivos e culturais estão entre os objetivos ao longo do próximo ano

Vista do Rio de Janeiro / Prefeitura do Rio

Aproveitar a reconhecida vocação do Rio de Janeiro como destino protagonista no cenário esportivo e cultural e consolidar a marca Visit Rio, com a criação de um portal de serviços ao viajante. Essas são algumas das metas do Rio Convention & Visitors Bureau (Rio CVB/ Visit.Rio) para 2023, cujo Plano de Ação para o próximo ano foi aprovado pelo Conselho Curador da fundação nesta quinta-feira (15), no Hotel Emiliano. O encontro reuniu onze representantes das treze categorias da fundação.

O investimento na plataforma Visit Rio é prioridade. Em uma frente, a marca será renovada, com a atuação de uma empresa especializada em rebranding. A próxima etapa será a criação de um portal com serviços completos e informações úteis aos visitantes. Modelo similar já é adotado por outras cidades com elevado potencial turístico, como Paris, Londres e Miami.

“A marca Visit é utilizada por destinos no mundo todo como referência para os visitantes. A ideia é que se torne uma prateleira virtual para expor todos os produtos turísticos da cidade, servindo como objeto de consulta para atrações, passeios e agenda cultural. Também servirá como market place, com a possibilidade de efetuar compras de bilhetes e transportes. Iniciamos o trabalho em 2022. A nossa meta é avançar ainda mais em 2023 para que este portal tenha qualidade e esteja disponível o quanto antes”, disse o presidente-executivo do Rio CVB/ Visit.Rio, Carlos Werneck.

A captação de eventos esportivos e de produções cinematográficas para a cidade também é destaque da agenda para 2023. Noventa eventos esportivos estão no radar do Rio CVB, que vai atuar junto às respectivas confederações das modalidades para que essas competições ocorram na cidade. A diretriz é resultado de diagnóstico apresentado pela 2IS – empresa suíça de inteligência e pesquisa de negócios esportivos, cuja parceria foi firmada em setembro.

“O Rio de Janeiro possui um legado olímpico que é subutilizado e que merece ser mais explorado. Além disso, somos uma cidade que privilegia a prática de esportes outdoor. Não é à toa que o Rio tenha recebido o prêmio de melhor destino esportivo da América do Sul em 2022, a terceira vez consecutiva que recebe essa avaliação pelo World Travel Awards. Precisamos explorar cada vez mais esse nicho”, afirmou Werneck.

Produções audiovisuais e escritório em Buenos Aires

Nas atividades culturais, o principal alvo está direcionado às produções audiovisuais. Após firmar parceria com a RioFilme, em outubro, a fundação planeja eventos em Los Angeles e Madrid, cidades com grandes produtoras ligadas ao setor. A ideia é fazer networking, estabelecendo contatos com fornecedores locais. Também são analisados mecanismos para acelerar trâmites e facilitar a contratação de produções, bem como a realização de visitas técnicas.

Outro tema em destaque no Plano de Ação é a promoção internacional do Rio, com a inauguração de um escritório comercial em Buenos Aires. A representação deve funcionar a partir do primeiro trimestre de 2023. O objetivo é estreitar os laços com os países da América Latina, que concentram importantes mercados emissores para a cidade. Espera-se que essa aproximação encoraje a ampliação do número de voos com destino ao Rio a partir das nações do continente.

O Plano de Ação prevê ainda a continuidade da participação em feiras e iniciativas já bem sucedidas, como roadshows, presstrips e famtours. Para 2023, a entidade estabeleceu um calendário com participação confirmada em cerca de 20 eventos internacionais.
 

Na próxima terça-feira, 20, o Plano de Ação será apresentado a todos os mantenedores durante a confraternização de fim de ano, no Museu do Amanhã.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui