Rio de Janeiro - Copacabana por Stefano Olmi O Rio de Janeiro apresentou sua candidatura como patrimônio da humanidade da UNESCO na categoria paisagem cultural, normalmente concedido apenas para áreas da natura ou conjuntos de centro históricos. O Rio de Janeiro focaria então na relação entre homem e natureza.

A proposta carioca propões uma área de preservação de 64.098 quilômetros quadrados dividido em dois setores. O primeiro incorpora a montanha, a floresta e o jardim e é formado pelo Parque Nacional da Tijuca e pelo Jardim Botânico. O segundo engloba a entrada da Baía de Guanabara e as chamadas "bordas d’ água desenhadas", que inclui a proteção paisagística dos fortes na entrada da Baía e a orla de Copacabana com seus pontões rochosos até a ponta do Arpoador e ainda o parque do Flamengo. Mais  uma área de 22.920 quilômetros quadrados de área de amortecimento, uma região necessária à proteção do sítio.

 

O Rio de Janeiro tem chances já que há uma predisposição da UNESCO para aceitar áreas urbanas. E o Rio, é o Rio, nossa paisagem é conhecida mundialmente.

 

Fonte: Estadão

Foto: Rio de Janeiro – Copacabana por Stefano Olmi (vale clicar nela e baixar para ser seu wallpaper, já é o meu)

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui