Rio está entre os 8 destinos mais desejados pela comunidade LGBTQIA+ internacional

Pesquisa revela que público LGBTQIA+ gasta aproximadamente 30% a mais que o viajante não LGBTQIA+

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Praia de Ipanema - Leblon - Rio Lifestyle - Foto: Ricardo M R Pereira

Entre a comunidade LGBTQIA+ internacional, a cidade do Rio de Janeiro está entre os oito destinos mais cobiçados do mundo. A preferência pela Cidade Maravilhosa foi identificada em uma votação popular realizada pelo GayCites, um dos sites mais importantes do mundo na sua categoria.

Para o coordenador para a América do Sul da IGLTA, Clóvis Casemiro, o resultado é muito interessante para a cidade, pois a sondagem foi realizada junto ao mercado e não com profissionais do turismo. O que, segundo a entidade, que é referência mundial no desenvolvimento e na expansão do turismo LGBT, demonstra o interessa pelas atrações do Rio.

Outro levantamento realizado pela consultoria OutNow mostrou que o público LGBTQIA+ gasta aproximadamente 30% a mais que o viajante não LGBTQIA+. O lucro gerado por esse público é US$ 218 bilhões por ano, de acordo com dados da Organização Mundial do Turismo.

O presidente-executivo do Visit Rio Convention Bureau, Carlos Werneck, ressaltou que o resultado demonstra que a cidade e o setor de turismo adotaram as estratégias certas para receber os integrantes da comunidade.

Advertisement

“A valorização da diversidade e inclusão é uma diretriz em todos os nossos projetos. Em 2021, criamos o ‘Circuito Rio de Cores’, um evento realizado em junho, Mês do Orgulho LGBTQIA+. Desde então, nosso compromisso é, a cada ano, aumentar o número de estabelecimentos participantes no projeto, de maneira que a dinâmica vibrante desse período se estenda ao longo do ano, buscando fazer do Rio uma cidade ainda mais acolhedora”, explicou Werneck.

Na pesquisa do Booking.com de 2022, o Rio de Janeiro já havia alcançado um ótimo resultado, ocupando a segunda colocação entre as cidades mais inclusivas do Brasil.

Para o presidente da Riotur, Ronnie Costa, o trabalho das entidades ligadas ao turismo no que diz respeito ao aspecto inclusivo dos viajantes LGBTQIA+ tem chamado a atenção de integrantes da comunidade no mundo todo.

“O Rio de Janeiro tem uma vocação natural para o turismo. Trabalhamos sempre para aprimorar a capacidade de receber bem os visitantes sem distinção. Somos uma cidade plural, diversa e fazemos questão de garantir a melhor experiência para todos os turistas. Essa premiação é uma demonstração clara disso”, disse Ronnie Costa.

O bom posicionamento do Rio entre os oito destinos mais cobiçados nessa categoria de viajantes realoca a cidade à sua posição de porta de entrada para o Brasil, beneficiando o turismo nacional como um todo, avaliou a Coordenadora de Afroturismo, da Embratur, Tania Neres:

“O Rio de Janeiro é o nosso portão de entrada e isso contribui muito para nossas estratégias em oferecer outros destinos tais como Pipa no Rio Grande do Norte, São Paulo com a maior Parada LGBT+ , Belo Horizonte, Salvador , Florianópolis entre vários outros que estão cada dia mais trabalhando para atenderem este mercado com respeito e segurança”, afirmou a gestora.

Abaixo, as outras 7 cidades mais atrativas do mundo entre a comunidade LGBTQIA+:

Mykonos (Grécia);

Amsterdam (Holanda);

Barcelona (Espanha);

Paris (França);

Queenstown (Nova Zelândia);

Havaí (EUA);

Phuket (Tailândia).

Informações: Veja Rio

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Rio está entre os 8 destinos mais desejados pela comunidade LGBTQIA+ internacional
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui