Rio Imagem Baixada deve atender 40 mil pacientes por mês em 2024

No mês que vem a unidade dará início à realização da litotripsia - procedimento não invasivo voltado para a fragmentação de cálculos renais

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Google Maps

Com seis meses de atividades, completados nesta quarta-feira (10), o Rio Imagem Baixada, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, assumiu o compromisso de ampliar o atendimento à população até o final deste ano. De acordo com o Governo do Estado, somente em 2023, a unidade realizou uma média de 20 mil atendimentos mensais. A expectativa do governo é de que o Rio Imagem Baixada atenda a 40 mil pacientes por mês em 2024.

A Secretaria de Estado de Saúde adiantou que, para o segundo semestre, a pasta planeja colocar o centro cirúrgico da unidade em funcionamento para realizar procedimentos de endoscopia, histeroscopia com indicação cirúrgica e laqueadura por vídeo, além de colonoscopia. Mas já há novidades para o mês que vem: a realização da litotripsia – procedimento não invasivo voltado para a fragmentação de cálculos renais.

Maior centro público de diagnóstico da América Latina, o Rio Imagem Baixada foi inaugurado em julho de 2023, com o objetivo de diminuir a sobrecarga da unidade do Centro do Rio de Janeiro. Para isso, uma das ações adotadas pelo Governo do Estado foi o aumento do horário de atendimento, que passou a ser de segunda à domingo, das 7h às 19h. O que resultou em 55.831 acessos de pacientes e na realização de 122.186 exames de diagnóstico durante o seu breve período de funcionamento.

As pessoas atendidas no Rio Imagem são provenientes do encaminhamento de postos de saúde ou clínicas da família, por meio da Central Estadual de Regulação (CER).

Advertisement

O Rio Imagem Baixada fica na Avenida Esplanada, nº 483, Viga.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Rio Imagem Baixada deve atender 40 mil pacientes por mês em 2024
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui