Rio pode sediar reunião do G20 em 2024

Governo do Estado atua nos bastidores para trazer os líderes das 20 principais economias do planeta para o Rio de Janeiro no ano que vem

A reunião da cúpula do G20, que em 2021 acontece em Roma, na Itália. (Foto: Divulgação G20)

O Rio de Janeiro poderá ser a cidade sede que receberá a cúpula do G20, encontro que reúne as maiores economias do planeta, em 2024. O Governo do Estado enviou um memorando ao Itamaraty e ao Palácio do Planalto justificando que a capital fluminense “sempre apresentou um forte vínculo com assuntos de importância global”, com menção ao marco histórico da Rio 92.

O Brasil pode ser o anfitrião do encontro de líderes pela primeira vez. Na América Latina, o evento já foi realizado em 2012, no México e na Argentina, em 2018. Até agora não houve definição do país nem mesmo campanha de outra cidade. A informação é do jornalista Ancelmo Gois.

O documento assinado pelo governador Claudio Castro ressalta que o Rio é signatário do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), reforçando o compromisso com a implementação dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). “A presidência do G20 dará ao Brasil um papel importante na cena política internacional e o Rio de Janeiro está pronto para ser anfitrião”, conclui o memorando.

A campanha pela sede do G20 em território carioca terá como ponto alto o Comex Day, seminário no próximo dia 27, na Associação Comercial do RJ, realizado pelo Sistema Cisbra-CaerjCâmara de Comércio, Indústria e Serviços do Brasil e Câmara de Comércio e Indústria do Rio de Janeiro, em parceria com o Governo do Estado.

Neste ano, o encontro dos líderes do G20 ocorrerá em Nova Délhi, na Índia.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui