Rio terá hospital veterinário público em Irajá

O edifício foi doado à municipalidade pela construtora como contrapartida de licenças de empreendimentos residenciais na região

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Em parceria com a Cury Construtora, a Prefeitura do Rio as anunciou nesta quarta-feira (10/04), as obras do Hospital Veterinário de Irajá, na Rua Hannibal Porto, 450. O equipamento será construído pela iniciativa privada no andar térreo de um prédio de nove andares que, no passado, foi ocupado pela Oi. O edifício foi doado à municipalidade pela construtora como contrapartida de licenças de empreendimentos residenciais na região. No terreno, será construído os residenciais Nova Norte Samba e Nova Norte Ginga, conforme foi noticiado pelo DIÁRIO DO RIO.

“Era um sonho ter um hospital de ponta e que vai ser o melhor hospital veterinário do Brasil. É mais uma unidade pública na cidade. Temos uma em Santa Cruz, outra na Mangueira e agora teremos essa em Irajá” afirmou o prefeito Eduardo Paes.

O projeto do Hospital Veterinário de Irajá prevê ambulatórios, consultórios, sala de raio X, enfermarias, centro cirúrgico, área para farmácia, laboratório, administração, refeitório e vestiários de funcionários. Todo o equipamento ficará em uma área de cerca de 790 metros quadrados no primeiro andar e a previsão é a de que seja entregue no terceiro trimestre deste ano. A ocupação dos demais andares ainda será definida pelo município.

“É importante destacar o esforço que a Prefeitura tem feito no adensamento das zonas mais estruturadas em infraestrutura na cidade. Neste caso, estamos falando da Zona Norte, e a Cury, entendendo essa diretriz, vem realizando empreendimentos na região. Isso é muito bem-vindo no ponto de vista do planejamento da cidade. Hoje, estamos num evento de doação de um equipamento público que decorre de obrigações que surgem por conta dos empreendimentos residenciais. Então, aqui a Cury propôs doar esse prédio para o Município e fazer o hospital veterinário” disse o subsecretário Executivo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Econômico (SMDUE), Thiago Dias.

Advertisement

O prédio de nove andares foi cedido pela Cury Construtora em virtude de contrapartida de licenças de obras de quatro conjuntos residenciais na mesma região. A lei urbanística da cidade prevê que licenças para construção de grupamentos, ou seja, condomínios com mais de 500 unidades residenciais, devam ter a contrapartida de doação de terreno por parte da construtora responsável para instalação de equipamento público. Com processos de licença em andamento para construção de unidades residenciais na região, a empresa optou por suprir a exigência repassando para o Município um prédio já construído, em vez de um lote.

Este será o segundo hospital veterinário público municipal. Em fevereiro do ano passado, a Prefeitura do Rio inaugurou o Hospital Veterinário de Santa Cruz, que funciona nas dependências do Centro de Controle de Zoonoses Paulo Dacorso Filho.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Rio terá hospital veterinário público em Irajá
Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. Mais um gasto desnecessário… supérfluo… com tanta coisa mais urgente…

    Quantos países no mundo mantêm hospital público veterinário para atendimentos de “pets”(????)

    Não me surpreenderia que a exceção esteja aqui de pais com tantas necessidades mas gasta com algo assim que é supérfluo…

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui