Rio receberá o 1º centro de inovação dedicado ao turismo do país

Projeto ‘Embratur Lab’ vai usar a tecnologia para melhorar a experiência dos turistas, promover competitividade e sustentabilidade ambiental

Praia Vermelha - Urca | Foto: Rafa Pereira - Diário do Rio

A Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur) divulgou que o está planejando o primeiro centro de desenvolvimento de inovação aplicada ao turismo do Rio de Janeiro. Desenvolvido pela agência em parceria com o Turistech Hub Brasil, o projeto “Embratur Lab” vai usar a tecnologia para melhorar a experiência dos turistas internacionais no Brasil, além de promover competitividade e sustentabilidade ambiental aos serviços deste setor.

Marcelo Freixo, atual presidente da Embratur, justificou que o Rio de Janeiro dará o ponta pé inicial no projeto por conta da diversidade de serviços ligados ao turismo. “A cidade será nosso primeiro grande laboratório para testar inovações que serão utilizadas nos destinos turísticos em todo o Brasil”.

Uma das ações previstas é a instalação de um Big Data para empresas do setor identificarem tendências e comportamentos dos consumidores e o desenvolvimento de soluções de tecnologias verdes que ajudem a reduzir a pegada de carbono do turismo. Após a consolidação da unidade do Rio, novos núcleos serão instalados no país.

Em 2023, o Rio deve superar a marca de 2019, com mais de um evento por dia na cidade. Em 2019, a capital carioca recebeu 334 eventos com um público de mais de 1,4 milhão de pessoas. Já este ano, a estimativa foi de 110 eventos só nos dois primeiros meses. Nos meses seguintes, os destaques são shows internacionais, eventos esportivos e festivais.

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui