RJ terá plataforma de gestão de projetos para restauração da Mata Atlântica

A ferramenta promoverá ações colaborativas para o desenvolvimento, ativação e aprimoramento do Programa Estadual de Pagamento por Serviços Ambientais (PRO-PSA)

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
(Foto: Tãnia Rego/ Agência Brasil)

Um acordo formalizado nesta quinta-feira (16/03) entre a Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (SEAS) e o Instituto Estadual do Ambiente do Rio de Janeiro (INEA) e a The Nature Conservancy (TNC) Brasil, definiu a criação de uma plataforma online para gestão de contratos, gerenciamento de iniciativas e monitoramento de indicadores para programas de restauração e conservação da Mata Atlântica fluminense.

A ferramenta será um elo entre os municípios, os comitês de bacias e o estado em prol da restauração florestal da Mata Atlântica, promovendo ações colaborativas para o desenvolvimento, ativação e aprimoramento da plataforma do Programa Estadual de Pagamento por Serviços Ambientais (PRO-PSA), que abrange 11 projetos em 22 municípios do estado.

A assinatura do acordo contou com a presença da diretora da região da Mantiqueira da TNC Brasil, Adriana Kfouri, do presidente do INEA, Philipe Campello, e da subsecretaria de Conservação da Biodiversidade e Mudanças de Clima (Subclim) e coordenadora do PRO-PSA, Marie Ikemoto.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp RJ terá plataforma de gestão de projetos para restauração da Mata Atlântica

Advertisement

Leia também

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui