Romantismo a Carioca

Por André Delacerda

Encontros por Roberto Stelling Semana do Dia dos Namorados, aquele clima friozinho em terras cariocas trazendo mais aconchego aos enamorados.  Ao caminhar pelas ruas de Ipanema, ouvi um canto de uns pássaros, e ai veio aquela idéia para este post. O que os enamorados podem fazer nesta semana, e no dia aclamado ao amor, e é claro conjugar essas ações por todos os dias, horas e segundos do ano.

 

Nada mais romântico do que passear pelas ruas da Cidade Maravilhosa acompanhado do seu amor, poder andar abraçado, de mãos dadas, curtindo a arquitetura da cidade, quem sabe uma ida ao museu ou alguma galeria de arte apreciar uma boa exposição.

Quando a Chuva dá Trégua por Ane Aguirre Legal é ainda ir ao cinema, e enquanto se espera na fila a entrada, pode-se abraçar, trocar um carinho, mas olha lá. Nada de exageros. Recomenda-se também um passeio a noite para ver o luar que esta semana encontra-se na sua fase maior, cheia de luz. Adimirem a lua nos céus carioca inspirando romantismo.

 

Ah! Nada melhor que sentar-se no final de tarde em um dos decks instalados na Lagoa, e junto com seu amor apreciar o pôr-do-sol que adormece próximo aos Dois Irmãos. Nesta contemplação na Lagoa pode-se ver os pássaros bailando junto ao espelho iluminado pelos raios solares que se faz ali. Uma dica é levar o seu amor para andar de pedalinho. Ou então, senta-se numa mesinha com luz de velas em algum quiosque, e ao encontro dos olhares, com o brilho demonstrar felicidade.

 

 

Como mencionamos a lua cheia essa semana, mesmo com a brisa fria, nada mais romântico que senta-se de frente ao mar, em uma das centenas de praias cariocas, e apreciar em silêncio e bem junto toda a luminosidade do luar contracenando com as estrelas. E no final para quebrar o silêncio, uma jura de amor.  Quem sabe embalada por “Eu sei que vou te amar” esse belo poema entoado em canção pelo mestre carioca Tom Jobim.

Nhac por Knivesout

 

Independente de onde você esteja, seja no Norte, Sul, Oeste, Centro ou Subúrbio carioca. O importante é renovar as juras e verdades do amor. É o momento de reconciliar e quem sabe ao olhar para o alto do Corcovado com as bênçãos do Redentor, encontrar um amor caso você esteja a procura.

 

Que esse dia dos namorados carioca seja embalado por muito samba, chorinho, bossa, funk, letras que lembrem o amor, a união, a verdade, a sinceridade e a paixão. E nada melhor do que gravar no mp3 essa sugestão romântica para embalar estes momentos comemorativos a dois.

 

Na voz de Tom, “Eu sei que vou te amar”, uma bossa ao amor bem ao romantismo carioca.

 

Fotos: Encontros por Roberto Stelling

Quando a Chuva dá Trégua por Ane Aguirre

Nhac por Knivesout

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui