Roubos de celular aumentam 39,7% nos primeiros meses do ano, segundo ISP

Foram roubados 6.576 aparelhos nos primeiros quatro meses de 2024, o que dá uma média de uma ocorrência a cada 26 minutos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Diário do Rio

Um levantamento realizado pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) sobre o roubos de celular no Rio de Janeiro verificou um aumento de 39,7%, entre janeiro e abril deste ano, no comparativo ao mesmo período do ano passado. Ao todo, foram roubados 6.576 aparelhos nos primeiros quatro meses de 2024, o que dá uma média de uma ocorrência a cada 26 minutos.

De acordo com a ISP, as ocorrências envolvendo roubos e furtos de aparelhos não são geograficamente homogêneas, sendo que quase 39% dos casos estão concentrados em 10 das 137 Circunscrições Integradas de Segurança Pública (Cisps) – região semelhantes à área de atuação de uma delegacia distrital — do Estado.

A Cisp 5 (Mem de Sá) é a que concentra o maior número de casos: 561 – aumento de 191% em relação ao primeiro quadrimestre do ano passado. Em seguida vem a Cisp 54 (Belford Roxo), com 325 casos. Na terceira posições ficou a Cisp 59 (Duque de Caxias), que registrou 264 ocorrências.

Veja as dez áreas com mais casos de roubo de celular:

Advertisement

Cisp 5 (Mem de Sá): 561 casos

Cisp 54 (Belford Roxo): 325 casos

Cisp 59 (Duque de Caxias): 264 casos

Cisp 18 (Praça da Bandeira): 242 casos

Cisp 9 (Catete): 208 casos

Cisp 33 (Realengo): 202 casos

Cisp 29 (Madureira): 202 casos

Cisp 27 (Vicente de Carvalho): 193 casos

Cisp 52 (Nova Iguaçu): 179 casos

Cisp 58 (Posse): 173 casos

Com informações do jornal Extra.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Roubos de celular aumentam 39,7% nos primeiros meses do ano, segundo ISP
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui