Sérgio Cabral diz que não estava na Farra dos Guardanapos – Bastidores do Rio

Há 30 anos Cesar Maia acabou com os toldos azuis de camelôs que voltam com Eduardo Paes; os ecos de Dino com Otoni; os desejos de Chiquinho da Mangueira

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Daniel Martins/Diário do Rio

Farra dos Guardanapos
Sérgio Cabral tem dado um tempo em suas postagens de Muso Fitness no Instagram e voltou a falar sobre política. Em uma de suas postagens, ele fez um desabafo negando sua participação na famosa “Farra dos Guardanapos” em Paris.

Farra dos Guardanapos II
Revisando as fotos, Cabral realmente não aparece entre as pessoas que estão com guardanapos na cabeça, talvez seja um clássico efeito Mandela. No entanto, ele estava presente no jantar que deu origem à farra, assim como outros políticos e empresários.

Reflexão
O que é o colunismo político se não uma mistura do jornalismo de fofoca e social em seu mais baixo nível?

O Mar da Uruguaiana
Após quase 30 anos da remoção dos camelôs e seus toldos no Centro e na Zona Sul por Cesar Maia, eles retornaram na administração de Eduardo Paes, mais especificamente na Uruguaiana.

Advertisement

O Mar da Uruguaiana II
Era de se esperar que, com o retorno da escala da Guarda Municipal, esse tipo de situação não ocorresse, que é simplesmente causada pela inação do Poder Público.

O Mar da Uruguaiana III
Do jeito que o Rio é, Camelôs clandestinos vão existir sempre, o que não podem é se sentir tão confortáveis ao ponto de colocarem toldos e permanecerem no local como se comércio legalizado fossem.

ECO I
Pode parecer surpreendente, mas o Ministro Flavio Dino repetiu, em entrevistas, o discurso que o pré-candidato bolsonarista Otoni de Paula vem externando desde o semestre passado. Eles concordam que o Sistema Único de Segurança Pública, criado pela Lei Federal 13.675 de 2018, precisa sair do papel e envolver todos os entes federativos no combate à criminalidade.

ECO II
Com o aumento da violência, o cumprimento da Política Nacional de Segurança Pública tornou-se imperativo para o Rio.

ECO III
Quanto à Prefeitura do Rio, o eco dessas palavras ainda não produziu efeitos práticos, apesar das promessas feitas pelo Prefeito Eduardo Paes em campanhas passadas.

Chiquinho e prefeitáveis
Tudo indica que o primeiro suplente do Solidariedade, Chiquinho da Mangueira, está torcendo para que o partido vença em Nova Iguaçu.

Chiquinho e prefeitáveis II
Isso se deve ao fato de o Solidariedade planejar lançar o deputado Ravis como candidato a prefeito na cidade do Guandu, e ele já está ativo nessa área.

Chiquinho e prefeitáveis III
Se eles ganharem e Bernardo Rossi também em Petrópolis ou permanecer como secretário, Chiquinho poderá retornar de vez para a Alerj.

BRS mais perto
O vereador Alexandre Beça busca corrigir a distância entre os pontos no BRS da 24 de Maio, que foi implementado em 2013.

BRS mais perto II
A reintrodução de um dos pontos encurtaria a distância entre eles, reduzindo a caminhada para apenas seis minutos, de acordo com o Maps.

BRS mais perto III
Isso seria benéfico para idosos, comerciantes e mulheres que frequentam essa área, que enfrenta consideráveis índices de arrastões.

Gargo no tatame
Dois atletas da Providência conquistaram medalhas de prata em um campeonato de jiu-jitsu nos Emirados Árabes.

Gargo no tatame II
Só que a de Davi Carvalho poderia ser de ouro caso o árbrito não desse vitória pra lá de questionável a um atleta britânico. Mas, aos 9 anos, o atleta saiu só sorrisos ao lado do outro medalhista, Pedro Silva, da mesma idade.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Sérgio Cabral diz que não estava na Farra dos Guardanapos - Bastidores do Rio
Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Lembrete: Desculpem, não é só na Uruguaiana que os camelôs clandestinos ressurgem aos montes. Rua do Riachuelo, em desde o Supermercado Mundial rua acima, passando pela Loja Tubarão, as pessoas saem dos supermercados e as ruas estão invadidas, dependurando coisas pelas calçadas, nas portas das lojas. Uma desordem total. Nem um guarda municipal nas ruas, desafio este jornal ou qualquer contribuinte, a andar e encontrar um no Centro do Rio e arredores. Fim para Eduardo Paes, se Deus nos Ajudar.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui