Pastor Silas Malafaia - Foto: Reprodução

Líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, o pastor carioca Silas Malafaia testou positivo para Covid-19. Devido a isso, inclusive, o encontro que teria com o presidente da República, Jair Bolsonaro, na última segunda-feira (29/03) precisou ser cancelado.

Segundo Malafaia, que tem atualmente 62 anos e disse ter feito um tratamento preventivo com ivermectina, k-2 e vitamina D (que não há comprovação científica da eficácia, vale lembrar), alguns familiares, incluindo sua esposa, Elizete, também foram infectados pela doença. Eles, porém, já se recuperaram.

”Eu estou bem. Foi constatado que eu estou com Covid. Aqui na minha casa, 2 filhos, 2 genros e minha neta já tiveram, e minha esposa já saiu. Então, eu não sou imune e eu atendo pessoas. Falo com muita gente. Dou atendimento pastoral. Não sou pastor de palco, nem de púlpito só não. Eu atendo gente pode ser não sei. Atendo muita gente, mesmo atendendo de máscara e tudo a gente nunca sabe. Talvez nem isso, né?! Eu dou atendimento a muita gente, pessoal que vai a gabinete, desesperado e toda essa tralha toda. Mas estou bem”, disse.

Em relação ao encontro que teria com Bolsonaro, Malafaia disse que outros pastores estariam presentes.

”Já que fui diagnosticado com Covid, não irei me encontrar com o presidente, mas vão os pastores fazer a oração. Não posso. Depois que você é detectado, tem que ficar quieto. Tem que esperar até o médico liberar”, afirmou.



Toda manhã o resumo do Rio de Janeiro

Raphael Fernandes

Raphael Fernandes é jornalista, baixista e apaixonado por futebol. Integra a equipe do DIÁRIO DO RIO desde fevereiro de 2019 e, paralelamente, atua como repórter no radialismo esportivo carioca.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui