TRE julgará nesta sexta possível cassação do mandato de Cláudio Castro como governador do RJ

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Cláudio Castro - Foto: Reprodução/Internet

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgará, nesta sexta-feira (17/05), uma ação contra a chapa Cláudio Castro/Thiago Pampolha, vencedora da eleição para o Governo do Rio de Janeiro em 2022.

A representação foi movida inicialmente pelo ex-deputado federal Marcelo Freixo, atual presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), derrotado no pleito, e corroborada pela Procuradoria Eleitoral.

Na ação, incluída na pauta do dia pelo relator do processo, desembargador Peterson Barroso Simão, serão analisadas, por exemplo, possíveis irregularidades relacionadas à Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e ao Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos (Ceperj).

Explicando melhor, Castro, que já governava o RJ, após o impeachment de Wilson Witzel, é acusado de ter criado, nas duas instituições, diversos cargos fantasmas para alocar apadrinhados políticos perto do início de sua campanha, desrespeitando regras administrativas e eleitorais.

Advertisement

As acusações, se comprovadas, podem levar à cassação dos mandatos de Cláudio Castro (governador) e Thiago Pampolha (vice).

Vale lembrar que, na ocasião, Castro e Pampolha venceram o pleito com 58,67% dos votos válidos. Já Marcelo Freixo e Cesar Maia, que seria seu vice, ficaram em 2º lugar, com 27,38%.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp TRE julgará nesta sexta possível cassação do mandato de Cláudio Castro como governador do RJ
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui