Trilha Trans CariocaJá imaginou percorrer uma trilha de 180km de extensão? Começando pela Restinga de Marambaia, em Grumari, subindo as encostas de Guaratiba, atravessando o Parque Nacional da Tijuca e, por fim, aos pés do Pão de Açúcar; a Trilha Transcarioca promete ser a primeira trilha de longo curso no Brasil, criando um corredor ecológico e garantindo a saúde da nossa fauna e flora.

O projeto da Trilha foi apresentado pelo secretário do Ambiente, Carlos Minc, pelo diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), André Ilha, pelo chefe do Parque Nacional da Tijuca, Ernesto de Castro, e pelo secretário executivo do Mosaico Carioca de Áreas Protegidas, Celso Junius, em trecho que integrará a trilha, de aproximadamente 1,5 quilômetros, percorrido da Vila Militar, em Copacabana, até o topo do
morro da Babilônia.

– Queremos mais visitação, mais ecoturismo e mais proteção ao meio ambiente. Estes ecossistemas vão ser conhecidos, desvendados. Vamos integrar a gestão destes parques e com isso aumentaremos a segurança dos visitantes, além dos corredores de diversidade e os
atrativos para o ecoturismo criando milhares de empregos verdes e protegendo mais a nossa
fauna e a nossa flora – disse o secretário de Ambiente, Carlos Minc.

A ideia também prevê estímulo aos visitantes externos, como uma oportunidade de conhecer a cidade toda de uma vez só ou um percurso a cada dia, para completar o circuito inteiro. Já o morador do Rio vai ganhar a oportunidade de conhecer o seu quintal de outro ângulo e novos atrativos.

Restinga da Marambaia

Minc também ressaltou que a ideia é de integração: São quilômetros de beleza sinalizando as árvores da Mata Atlântica e quais os pássaros de cada região, resultando em mais ecoturismo e mais proteção ao meio ambiente. Já para Celso Junius, secretário executivo do Mosaico Carioca, a ideia é capacitar os moradores das comunidades, para que eles façam o trabalho de segurança, de guia e proteção ambiental. São eles os grandes responsáveis pela guarda dos parques comunitários.

Quem tem coragem de se aventurar nos 180km?

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui