Turista Americana é resgatada de cárcere privado em mansão de luxo em São Conrado

O Consulado dos Estados Unidos acionou o Batalhão de Polícia Turística (BPTur), que, com a colaboração do 31º BPM (Recreio), retirou a vítima do local suspeito

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Uma turista americana foi resgatada nesta terça-feira (02/01), após relatar estar em cárcere privado em uma residência de luxo na Estrada do Joá, em São Conrado, na Zona Sul do Rio. O Consulado dos Estados Unidos acionou o Batalhão de Polícia Turística (BPTur), que, com a colaboração do 31º BPM (Recreio), retirou a vítima do local suspeito.

De acordo com informações do G1, a mulher, impossibilitada de falar ao telefone, teria entrado em contato com sua irmã nos EUA por meio de mensagens, pedindo socorro. A vítima teria sido agredida, e seu passaporte foi supostamente escondido pelo suspeito. A turista, que veio para o Brasil para celebrar o Réveillon, foi impedida pelo homem de retornar aos Estados Unidos.

Os agentes do BPTur encaminharam a mulher para a Clínica São Vicente, na Gávea, Zona Sul do Rio, onde foram confirmadas as agressões. O caso foi repassado à Polícia Civil para investigação, enquanto o suspeito foi conduzido à Delegacia de Atendimento ao Turista, também na Zona Sul do Rio.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Turista Americana é resgatada de cárcere privado em mansão de luxo em São Conrado
Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Na reportagem há pouco exibida no Telejornal, e entrevistada a delegada, esta informou que nenhuma agressão física foi confirmadas, nem pelos médicos do Hospital, nem pela vítima e pelos policiais militares depois da apuração preliminar da Polícia Civil… essa G1 deve ter corrido ata noticiar sem nenhuma confirmação.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui