Unidades veterinárias de Niterói e São Gonçalo são fechados por irregularidades sanitárias

Falta de licenciamento sanitário, produtos vencidos, ausência de responsável técnico e condições precárias de higiene foram algumas das irregularidade encontradas

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa - Cachorro no veterinário / Reprodução CMRJ

Uma operação conjunta entre o Procon do Estado do Rio de Janeiro (Procon-RJ), o Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) e a Vigilância Sanitária, resultou na autuação e interdição de clínicas e hospitais veterinários de Niterói e São Gonçalo, na última terça-feira (30). A ação foi motivada por denúncias de irregulares nos estabelecimentos. Ao todo, foram fiscalizadas cinco unidades de saúde médico-veterinárias, sendo que duas deles foram interditadas e três autuadas.  

No hospital veterinário interditado, em Niterói, as autoridades encontraram irregularidades, como: falta de licenciamento sanitário, produtos vencidos e condições precárias de higiene, resultantes da falta de água para lavar as mãos e da mistura de lixo infectante com lixo comum. De acordo a diretora de fiscalização do Procon-RJ, Elisa Freitas, no ambiente, pessoas e animais corriam sérios riscos de contrair doenças dadas as más condições de higiene locais.

“Quando um consumidor busca um hospital para cuidados com o seu animal, ele acredita que toda a estrutura está em conformidade com o que é previsto em lei. Se o estabelecimento não fornece as condições adequadas tanto de higiene, quanto de medicamentos dentro do prazo de validade, as consequências podem ser irremediáveis”, alertou Elisa Freitas, conforme reproduziu o site cidadedeniteroi.com.

Na clínica veterinária interditada, por sua vez, a situação não era menos grave, pois a unidade além de não ter licenciamento sanitário para funcionar também não contava com um responsável técnico pela execução de procedimentos básicos como verificação da validade dos produtos, funcionamento de aparelhos, entre outras ações garantidoras do bom exercício da medicina veterinária.

Advertisement

Em São Gonçalo, um hospital veterinário foi autuado por falhas na prestação de serviços, como indicação de internação de animais doentes em outras unidades de saúde – medida geradora de várias formas de transtorno para tutores e pets.

O presidente do Procon estadual, Cássio Coelho, ressaltou que a autarquia tem feito operações em clínicas e hospitais veterinários para garantir os direitos dos consumidores, e a saúde e bem-estar dos animais.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Unidades veterinárias de Niterói e São Gonçalo são fechados por irregularidades sanitárias
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui