Imagem meramente ilustrativa - Foto: Reprodução

A pandemia de Covid-19, que completa 1 ano no Brasil este mês, trouxe novos hábitos à sociedade. E um deles, devido à necessidade de isolamento social, foi a substituição de atividades antes realizadas presencialmente pela maneira virtual, como, por exemplo, trabalhar em home-office e assistir aulas on-line.

Com isso, a qualidade e a velocidade da internet se tornaram algo importantíssimo na vida de cada usuário, pois a sua eficácia, em seu respectivo trabalho ou estudo, estava totalmente interligada ao serviço contratado em sua casa.

Desta forma, um estudo feito pela empresa Selectra analisou como foi o impacto da pandemia no setor de internet banda larga no estado do Rio de Janeiro. O dado mais interessante é o crescimento exponencial da modalidade de fibra óptica, considerada por especialistas a melhor forma de levar conexão à população como um todo. A categoria cresceu de 26,5% em dezembro de 2019 para 37,1% no mesmo período em 2020.

Para compensar o crescimento da fibra óptica, houve uma grande decaída na utilização por cabos metálicos. A queda foi de 39,4% para 28,5% no estado, demonstrando que o serviço teve uma queda na obsolescência. Além de não conseguir entregar ao consumidor a velocidade de internet contratada, também é alvo de roubos e assaltos, por ser um material valioso (cobre).

Confira o quadro comparativo das modalidades de internet no RJ entre 2020 e 2019:

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui