Vacinação contra gripe começa nesta segunda-feira no RJ

Meta é imunizar 6,9 milhões de pessoas no Estado

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Secretaria de Saúde do Governo do Estado - Carlos Chagas

A 25ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa nesta segunda-feira (10/04), e acontece até 31 de maio, nos postos de saúde em todo estado do Rio de Janeiro. Segundo informações da Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ), houve aumento de atendimentos a casos de gripe nas últimas semanas nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da rede estadual.

Com uma média de 1.100 assistências por dia, os números praticamente dobraram em relação ao início do mês de fevereiro: a média diária de atendimentos era de 548, na semana de 19 a 25 de março, esse número saltou para 1.234. Além da síndrome gripal, também aconteceu o aumento de atendimentos pediátricos com casos de bronquiolite

A 25ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa nesta segunda-feira, 10 de abril, e acontece até 31 de maio, nos postos de saúde em todo estado do Rio de Janeiro.

Segundo informações da Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ), houve aumento de atendimentos a casos de gripe nas últimas semanas nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da rede estadual. Com uma média de 1.100 assistências por dia, os números praticamente dobraram em relação ao início do mês de fevereiro: a média diária de atendimentos era de 548, na semana de 19 a 25 de março, esse número saltou para 1.234. Além da síndrome gripal, também aconteceu o aumento de atendimentos pediátricos com casos de bronquiolite

Advertisement

“Vacinação contra gripe é muito importante. Nesse momento vocês vão vendo o impacto nas nossas UPAs, nos nossos hospitais. Mais pessoas ficando doentes por causa desse vírus da gripe. Quem for vacinado vai principalmente se cuidar para não ter um caso de internação, um caso que possa precisar até de CTI,”, diz o secretário de Estado de Saúde, Dr. Luizinho.

A meta é vacinar 6,9 milhões de pessoas, atingindo pelo menos 90% de cada grupo prioritário. “É muito importante que essas pessoas recebam a dose contra a gripe todos os anos, porque os vírus Influenza que circulam são diferentes, e a vacina precisa ser atualizada para que a pessoa crie imunidade”, explica o secretário.

Para quem for se imunizar, é necessário levar o documento de identificação, caderneta de vacinação e apresentar um comprovante da classificação como grupo prioritário – como laudo médico, documento para os grupos profissionais atendidos, entre outros.

A vacina contra a Influenza pode ser aplicada com qualquer outro imunizante e também com outros medicamentos – exceto para crianças de 5 a 11 anos de idade, que precisam aguardar um período de 15 dias entre as vacinas e priorizar a dose contra Covid-19.

Confira os grupos prioritários:

  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias);
  • Trabalhadores da saúde;
  • Gestantes e puérperas;
  • Professores do ensino básico e superior;
  • Povos indígenas;
  • Idosos com 60 anos ou mais de idade;
  • Profissionais das forças de segurança e salvamento;
  • Profissionais das Forças Armadas;
  • Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (independentemente da idade);
  • Pessoas com deficiência permanente;
  • Caminhoneiros;
  • Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário para passageiros urbanos e de longo curso;
  • Trabalhadores portuários;
  • População privada de liberdade e funcionários do sistema de privação de liberdade;
  • Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas.

Cidade do Rio

No Rio, as 237 unidades de Atenção Primária – clínicas da família e centros municipais de saúde – vão aplicar a vacina, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 12h.

O Super Centro Carioca de Vacinação, em Botafogo, na Zona Sul, vai funcionar em horário especial, de domingo a domingo, das 8h às 22h.

Niterói

Em Niterói, os 38 pontos de vacinação vão estar abertos de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com entrada até às 16h30.

Locais da vacinação:

  • Policlínica Sérgio Arouca – Rua Vital Brazil Filho, s/nº – Vital Brazil.
  • Policlínica Regional Carlos Antônio da Silva – Avenida Jansen de Melo, s/nº – São Lourenço.
  • Policlínica Regional de Itaipu – Est. Engenho do Mato s/nº – Itaipu.
  • Policlínica Regional de Piratininga Dom Luís Orione – Rua Dr. Marcolino Gomes Candau, 111– Piratininga.
  • Policlínica Regional do Fonseca Dr Guilherme Taylor March – Rua Desembargador Lima Castro, 238 – Fonseca
  • Policlínica Regional do Largo da Batalha – Rua Ver. Armando Ferreira, 30 – Largo da Batalha
  • Policlínica Regional da Engenhoca – Avenida João Brasil, s/nº, Engenhoca
  • Policlínica Regional do Barreto Dr. João da Silva Vizella – Rua Luiz Palmier, 726 – Barreto
  • Unidades Básicas da Engenhoca, Morro do Estado e Santa Bárbara
  • Novo Ponto em Jurujuba – Av. Carlos Ermelindo Marins s/nº – Jurujuba (em frente ao Colégio Estadual Fernando Magalhães)
  • Unidades do Programa Médico de Família da Grota I, Grota II, Ilha da Conceição, Ititioca, Teixeira de Freitas, Jurujuba, Várzea das Moças, Alarico, Atalaia, Cafubá III, Cantagalo, Caramujo, Coronel Leôncio, Jonathas Botelho, Maceió, Marítimos, Martins Torres, Maruí, Matapaca, Preventório II, Sapê, Souza Soares, Viçoso Jardim, Viradouro, Vital Brazil, Zilda Arns.

São Gonçalo

A prefeitura de São Gonçalo vai vacinar, na primeira semana, idosos acima de 60 anos. A partir de 17 de abril, todos os grupos prioritários vão poder receber a dose contra gripe. Ao todo, 45 unidades de saúde vão aplicar a vacina.

– Polo Sanitário Paulo Marques Rangel, Porto do Rosa
– USF Jardim Catarina
– USF Alexandre Fleming, Boaçu
– USF Alberto Constantino Farah, Mutuá
– USF Mahatma Gandhi, Jardim Califórnia
– USF David Capistrano, Recanto das Acácias
– USF Robert Koch, Porto da Madama
– Polo Sanitário Washington Luiz Lopes, Zé Garoto
– PAM Neves
– Clínica Gonçalense do Barro Vermelho
– Clínica Gonçalense do Mutondo
– USF Badger Silveira, Tribobó
– USF Juarez Antunes, Boa Vista do Laranjal
– Polo Sanitário Hélio Cruz, Alcântara
– USF Mutuaguaçu
– Polo Sanitário Rio do Ouro
– USF Santa Izabel
– Clínica Municipal da Família Dr. Zerbini, Arsenal
– Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima, Jardim Catarina
– USF José Avelino de Souza, Tribobó
– PAM Coelho
– USF Irmã Dulce, Trindade
– USF Josyandra Moura Mesquita, Colubandê
– USF Oswaldo Cruz, Amendoeira
– USF Waldemar Costa Nunes, Jardim Miriambi
– USF Louis Pasteur, Guaxindiba
– USF Barbosa Lima Sobrinho, Boa Vista
– USF Santa Luzia
– USF João Goulart, Jardim Catarina
– USF Elza Borges, Santa Luzia
– USF Ary Teixeira, Jardim Bom Retiro

  • USF José Jorge Cortes Freitas, Santa Isabel
    – USF Aníbal Porto, Monjolos
    – USF Geremias de Mattos Fontes, Jardim Bom Retiro
    – USF Roberto Silveira, Jardim Bom Retiro
    – USF Luiz Paulo Guimarães, Laranjal
    – USF Quinta Dom Ricardo
    – USF Wally Figueiras da Silva, Rocha
    – USF Zé Garoto
    – USF Jardel do Amaral, Venda da Cruz
    – UBS Dr. Haroldo Pereira Nunes, Camarão
    – USF Emílio Ribas, Barracão
    – USF Manoel de Abreu, Ipiíba
    – USF Hiparco Ferreira, Engenho do Roçado
    – USF Porto do Rosa

Duque de Caxias

Em Caxias, a vacinação acontece nas seguintes unidades de saúde:

  • CMSDC – Centro Municipal de Saúde de Duque de Caxias; De segunda a sexta-feira, das 8h às 16h
  • Hospital Municipal Duque; De segunda a sexta-feira, das 8h às 16h
  • UPH – Unidades Pré-Hospitalares: Xerém, Saracuruna, Pilar, Imbariê, Equitativa, Campos Elíseos; De segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. Sábados, das 8h às 11h
  • Unidades Básicas de Saúde (UBS). Unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF); De segunda a sexta-feira, das 8h às 12h

Magé

Em Magé, a vacinação vai acontecer em todas as Unidades de Saúde da Família e na Central de Imunização, de segunda a sexta-feira das 8h às 17h.

Seropédica

A Prefeitura de Seropédica informa que aplicação vai acontecer por fases, sendo os mais vulneráveis primeiro.

Locais para vacinação:

  • ESF Fazenda Caxias – km 49
  • ESF Joaquim R. Ferreira – km 39
  • Clínica da Família – Vasquinho

Fique atento:

  • A vacina contra a gripe pode ser administrada com quaisquer outras vacinas do calendário vacinal;
  • Quem teve Covid-19 tem que aguardar quatro semanas após o início dos sintomas ou resultado positivo do exame para receber a vacina contra gripe;
  • A Anvisa orienta que os vacinados devem esperar um período de 48 horas para doar sangue;
  • Quem estiver com febre moderada ou grave deve adiar a ida ao posto para se vacinar;
  • A vacina contra gripe é contraindicada para crianças menores de 6 meses de idade e pessoas com histórico de alergias graves a doses anteriores.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Vacinação contra gripe começa nesta segunda-feira no RJ
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui