Verônica do Café Capri é destaque no novo cenário político de Araruama, na região dos Lagos

A empresária tem angariado apoios e emerge como liderança política no município da região dos Lagos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Araruama, Rio de Janeiro – Em uma virada dramática no cenário político local, Verônica do Café Capri, uma empresária local conhecids, está pronta para liderar o que se imagina seja um novo grupo político na corrida eleitoral de 2024 em Araruama, um município que se destaca pelas suas belezas naturais e localização estratégica às margens da Lagoa de mesmo nome, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro. Seu nome tem ganhado gradualmente impulso e popularidade entre os moradores, surgindo, segundo alguns, como uma opção significativa para a renovação da cidade. Até o momento, o cenário político estava polarizado, mas a chegada de Verônica ao páreo promete uma perspectiva fresca. Juntando-se a ela nessa empreitada estão outras figuras proeminentes, como o empresário Dr. Marcelo Amaral e o empreendedor Rone Rossy.

Verônica recentemente assumiu o centro do palco durante o evento “Araruama que eu quero”, realizado no Hotel Ver a Vista em 12 de dezembro último. Este encontro, organizado pelo partido político Avante, visava criar uma plataforma democrática para a população discutir a realidade atual da cidade. “Araruama não pode continuar dividida entre um sistema feudal e o Velho Oeste. Nossa população deve ser o foco principal da administração pública“, enfatizou Verônica.

Residente de Araruama desde 2008, Verônica tem estado à frente de dois empreendimentos comerciais que tem se destacado: o Café Capri do Brasil e do Recanto Casa do Tamba. Alegando ter um forte compromisso com o crescimento da cidade, ela vem defendendo publicamente causas importantes como a criação de empregos, incremento do turismo, atendimento médico de qualidade e melhorias na educação pública como os pilares de sua visão para o futuro de Araruama.

Araruama enfrenta desafios significativos que afetam sua qualidade de vida e desenvolvimento. Com índices de pobreza consideráveis, a cidade luta para combater a desigualdade econômica e oferecer oportunidades para todos os seus residentes. O saneamento básico é uma preocupação crítica, com a necessidade de melhorias substanciais na infraestrutura para garantir o acesso à água potável e tratamento de esgoto adequado. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da cidade, embora não esteja entre os mais baixos, indica margem para avanços na qualidade de vida da população, abrangendo áreas como saúde, educação e renda.

Advertisement

Leia também

TransBrasil inicia operações neste sábado, da Penha ao Terminal Gentileza

Leblon tem o condomínio mais caro do Brasil

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Verônica do Café Capri é destaque no novo cenário político de Araruama, na região dos Lagos

Advertisement

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui