Vigilância Sanitária alerta sobre riscos à saúde durante festas de Fim de Ano

O Ivisa-Rio realiza ações especiais durante dezembro para garantir a segurança sanitária dos produtos destinados às festas de fim de ano

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

A temporada de festas de fim de ano está chegando, e a atenção na escolha dos alimentos para a ceia natalina é crucial. O Instituto Municipal de Vigilância Sanitária, Vigilância de Zoonoses e de Inspeção Agropecuária (Ivisa-Rio) destaca a importância de precauções devido à possível falta de armazenamento adequado dos alimentos, especialmente em períodos de grande demanda.

No caso do bacalhau, prato tradicional nessa época, é fundamental observar a aparência do produto, verificar manchas avermelhadas e pontos pretos que podem indicar a presença de bactérias e fungos. Além disso, o sal utilizado deve ser grosso, e apenas as espécies Gadus morhua e Gadus macrocephalus são consideradas autênticas. Outras variedades, como Saithe, Ling e Zarbo, não são bacalhau e devem ser comercializadas como pescados salgados ou secos.

Para carnes vermelhas, aves, lombos e pernis, é necessário estar atento aos sinais de descongelamento, à integridade da embalagem e à data de validade. Carnes vermelhas devem ser verificadas quanto à cor, textura e odor, e devem ser armazenadas entre 12 e 18 graus negativos. Alterações nessas características indicam que o produto não está próprio para consumo.

As frutas, responsáveis por trazer vida e cor à ceia, devem ser higienizadas antes do consumo, mesmo aquelas que serão descascadas ou espremidas. Frutas secas e cristalizadas devem estar bem embaladas, e a presença de insetos ou fungos deve ser verificada. O azeite merece atenção especial, com a verificação do percentual de óleo na embalagem e a integridade desta.

Advertisement

O Ivisa-Rio realiza ações especiais durante dezembro para garantir a segurança sanitária dos produtos destinados às festas de fim de ano. Supermercados, mercados, mercearias, padarias e restaurantes são alvo dessas ações, que avaliam as condições de produção, armazenamento, transporte e exposição dos produtos típicos.

O objetivo do instituto é assegurar que esses estabelecimentos comercializem os produtos de maneira adequada, sem riscos para a saúde da população durante as celebrações de fim de ano.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Vigilância Sanitária alerta sobre riscos à saúde durante festas de Fim de Ano
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui