Vila Isabel reapresenta enredo ‘Gbala – Viagem ao Templo da Criação’ e faz homenagem a Martinho da Vila

O enredo aborda a importância das crianças para a construção de um mundo melhor, explorando a criação do universo sob a perspectiva das religiões de matriz africana

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp

Na madrugada desta terça-feira (13/02), a Unidos de Vila Isabel entrou na Marquês de Sapucaí para seu desfile no segundo dia de desfiles do Grupo Especial do Rio de Janeiro, demonstrando um espetáculo de alto nível e poucos erros, conquistando o público com um desfile de chão extraordinário.

A agremiação da Azul e Branca trouxe novamente para a Sapucaí o enredo “Gbala – Viagem ao Templo da Criação”, que já havia encantado a escola em 1993. O enredo aborda a importância das crianças para a construção de um mundo melhor, explorando a criação do universo sob a perspectiva das religiões de matriz africana.

O lendário cantor Martinho da Vila desfilou no último carro alegórico, celebrando seus 86 anos no dia anterior (12/02), enquanto recebia os parabéns em forma de samba durante o aquecimento na avenida. Sua filha, a compositora e cantora Mart’nalia, também participou do desfile como componente da bateria da escola.

O samba-enredo da agremiação, embalado pela animação contagiante da arquibancada, foi acompanhado pelo ritmo empolgante da bateria comandada pelo mestre Macaco Branco.

Advertisement

Leia também

Rio terá observatórios para estudos climáticos; 1º será no Complexo do Alemão

Balão é ‘abatido’ antes de cair no Aeroporto do Galeão

A rainha de bateria, Sabrina Sato, brilhou não só pelo seu desempenho à frente da bateria, mas também pela atenção e simpatia demonstradas com a comunidade. Antes do desfile, Sabrina percorreu a concentração na Avenida Presidente Vargas, cumprimentando membros da equipe e recebendo saudações da musa da escola, Dandara Oliveira, que está grávida. Sabrina desfilou vestida como uma corrente sanguínea, em um traje vermelho brilhante.

No entanto, durante o desfecho da apresentação, o carnavalesco da escola, Paulo Barros, passou mal e precisou ser amparado por três integrantes do apoio da escola. Um acompanhante relatou que ele estava “emocionado”. Vale destacar que o carnavalesco passou por uma cirurgia em janeiro deste ano, já pré-agendada para a retirada de um abscesso.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Vila Isabel reapresenta enredo ‘Gbala - Viagem ao Templo da Criação’ e faz homenagem a Martinho da Vila

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui