9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender

De caminhar ou correr na Oliveira Belo como se estivesse na orla a passear no Carioca Shopping, a Vila da Penha tem suas características próprias

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Largo do Bicão, uma espécie de ''sub-bairro'' da Vila da Penha - Foto: Reprodução/Internet

Localizada na Zona Norte do Rio de Janeiro, a Vila da Penha é considerada um dos bairros mais charmosos do Subúrbio carioca. Há quem diga, inclusive, que morar na ”VP” (como é carinhosamente chamada) é melhor do que viver, por exemplo, em bairros como o Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste, que é cercado por praias. E, pensando justamente nos habitantes locais e em seus hábitos, o DIÁRIO DO RIO lista 9 coisas que só os moradores da Vila da Penha entendem. Confira.

1 – Vila da Penha, Penha Circular e Penha: não são ”tudo a mesma coisa”

festas tipicas rj festa penha festa tradicional 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Vista que engloba boa parte da Vila da Penha, Penha Circular e, ao fundo, a Igreja da Penha (que fica na Penha, ok?) – Foto: Reprodução/Internet

Não dá pra começar essa matéria sem ser por esse assunto. Geralmente, quem é totalmente de fora do eixo Vila da Penha-Penha Circular-Penha pensa que são ”tudo a mesma coisa”. Porém, diferentemente, por exemplo, da região composta por Afonso Pena-São Francisco Xavier-Saens Peña, que são localidades pertencentes a um só bairro (Tijuca), a VP e suas respectivas adjacências citadas são 3 bairros diferentes – embora sejam interligados praticamente da mesma forma que a referida região tijucana. E quando os moradores da Vila da Penha ouvem alguém da Penha Circular dizer que mora na VP?! Rapaz, o bicho pega. Cada qual no seu quadrado, né?!

2 – Carioca Shopping: eu posso criticar, mas você, não

DSC02056 1024x768 1 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Entrada principal do Carioca Shopping, na Avenida Meriti – Foto: Reprodução/Internet

Único empreendimento comercial desse porte na Vila da Penha, o Carioca Shopping é composto por estabelecimentos tradicionais de diversos segmentos, como Smart Fit, Renner, Riachuelo, C&A, Cinemark, Mc Donald’s, Spoletto e até Outback. O local, embora não seja, digamos, completo, tem bastante coisa. Mas sabe aquele velho ditado de que ”a grama do vizinho é sempre mais verde”?! Então, a população da VP não costuma lá dar muito valor ao empreendimento. Há diversas críticas, principalmente em relação ao tamanho – embora o local esteja sempre tentando se expandir. Agora, vai você, de fora da Vila da Penha, falar mal do shopping?! Nem se atreva! Essa é uma atribuição exclusiva dos moradores locais, que defendem com unhas e dentes quando algum ”forasteiro” critica o local. E tenho dito!

3 – Cortar caminho pela entrada da C&A do Carioca e dar uma voltinha no shopping: quem nunca?

c e a 2 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Famosa entrada da C&A pela Avenida Vicente de Carvalho, onde costuma-se cortar caminho para chegar à Vila da Penha, dando uma voltinha no shopping antes – Foto: Reprodução/Internet

Ainda falando de Carioca Shopping, é tradição entre os moradores da Vila da Penha cortar caminho pela entrada da C&A localizada na Avenida Vicente de Carvalho. Quem faz isso, principalmente, são os moradores do bairro que saltam na estação Vicente de Carvalho – bairro vizinho – tanto do metrô quanto do BRT e utilizam essa ”passagem alternativa” para chegar à VP. A maioria trabalhadores voltando do trabalho, aproveitam para dar uma passadinha no shopping antes de chegar em casa. Errado não tá, né?!

Advertisement

4 – Oliveira Belo: a ”orla” da Vila da Penha

oliveira belo 2 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Avenida Oliveira Belo, onde moradores da Vila da Penha fazem suas corridas e caminhadas como se estivesse num calçadão da praia – Foto: Reprodução/Internet

A Vila da Penha, por não estar localizada na região ”litorânea” da cidade, obviamente não possui nenhuma praia. Entretanto, o bairro tem uma certa localidade específica que é ”quase” isso: a Avenida Oliveira Belo (que, inclusive, o DIÁRIO DO RIO falou especificamente sobre, em novembro do ano passado). Mas o que tem a ver, de fato, a Oliveira Belo com as praias cariocas? Pois bem, a avenida, dividida em mão dupla por meio de um rio, serve como uma espécie de ”calçadão” para os moradores da região. Caminhar ou correr na Oliveira Belo é, para o morador da Vila da Penha, como estar passeando na Vieira Souto, em Ipanema, ou na Delfim Moreira, no Leblon. E, assim como nos calçadões cariocas, em que há os quiosques, a Avenida Oliveira Belo é munida de diversificados bares para ”refrescar” os frequentadores locais. Certamente, a Oliveira Belo é a ”orla” da Vila da Penha!

5 – Academia popular da Oliveira Belo: ”Um dia vou malhar aí”

academia popular oliveira belo 2 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Academia popular da Oliveira Belo – Foto: Reprodução/Internet

Ainda falando de Oliveira Belo, o local é tão bacana que possui uma academia popular. E não estou falando de algumas barras de musculação que têm nas praias do Rio, não, mas sim de uma academia, mesmo, com aparelhos para malhar braços e pernas, com pesos e tudo mais. E isso tudo ao ar livre! Embora não seja um espaço grande – longe disso -, dá tranquilamente para fazer musculação. Quem nunca passou por lá, ficou observando a academia e pensou, pelo menos uma vez: ”Um dia vou malhar aí”?! Agora só falta botar a ideia em prática, né?

6 – Futebol e crianças brincando nas praças da Cetel, Volta ou Viseu

159171174963405 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Respectivamente, praças da Cetel, da Volta e do Viseu, lugares tradicionais da Vila da Penha para se jogar futebol ou para crianças brincarem – Foto: Reprodução/Internet

5: Se você mora na Vila da Penha, gosta de jogar futebol e nunca praticou a atividade – ou nunca levou seus filhos para brincar – nas praças da Cetel, da Volta ou do Viseu, olha, tá precisando rever seus conceitos. As 3 são points do bairro e vivem diariamente cheias de jogadores amadores e de crianças brincando – antes da quarentena, claro.

7 – ”Carnabicão”: o Carnaval mais famoso (e perigoso) da Vila da Penha

WhatsApp Image 2020 06 09 at 10.50.25 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Flyer criado em tom de brincadeira fazendo alusão aos perigos do Carnabicão – Foto: Reprodução/Internet

Quando chega a época do Carnaval, o cidadão carioca, de maneira geral, já pensa logo no desfile das escolas de samba na Marquês de Sapucaí ou nos blocos do Centro ou Zona Sul. Entretanto, o morador da Vila da Penha que não deseja ir para longe curtir a folia, tem sua própria festa. Trata-se do popular ”Carnabicão”. É impossível morar na VP e não ter pelo menos ouvido falar do Carnaval de rua realizado no Largo do Bicão, uma espécie de ”sub-bairro” da região. Anualmente, a redondeza fica cheia de barracas e tomada de foliões. É bem verdade que o Carnabicão não é lá uma das festas mais seguras do Rio de Janeiro (como mostra a foto acima – que é uma brincadeira e não uma programação de verdade, ok?), mas certamente faz parte da cultura do bairro.

8 – Olimpo: “templo” eterno da região

83 full 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Fachada do Olimpo à época em que a casa recebia eventos de funk e pagode semanalmente – Foto: Reprodução/Internet

Apesar de oficialmente estar endereçado como Penha Circular, os moradores da Vila da Penha frequentaram por cerca de 15 anos uma das casas de show mais famosas de todo o Rio de Janeiro, o Olimpo, inaugurado em 1999. O espaço encerrou as atividades em 2015 e, após 8 anos fechado, reabriu em 2023, repaginado e trazendo de volta a sensação que até então era apenas nostálgica em seus frequentadores. A casa contou inicialmente com shows de artistas consagrados da música nacional, como Roberto Carlos, Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Zeca Pagodinho, Charlie Brown Jr., O Rappa, Pitty, entre inúmeros outros. A partir de uma determinada época, o Olimpo reformulou sua programação e passou a investir mais em programações semanais repetidas, como, por exemplo, eventos de ”pagofunk” – com direito a banho de espuma – matinês e as conhecidas festas Planet e Gênesis, deixando um pouco de lado os shows de grande porte. A cerveja e os bilhetes de entrada costumavam ser baratíssimos, e isso acabava fazendo o local ter público todos os dias em que estava aberto – até se fosse segunda-feira. Para a vizinhança do Olimpo, principalmente, ou os moradores da Penha Circular, VP e adjacências que não gostavam da casa, era um tormento o barulho causado pelas festas, a tradicional bagunça na porta e o trânsito no entorno do local. Entre prós e contras, fato é que o Olimpo, com certeza, está na história da região e luta para voltar aos seus melhores dias.

9 – Balle/Sir. Walter Pub: o bar que trouxe um ex-Iron Maiden à Vila da Penha e que viralizou por causa de Neymar

1591712309630080 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Respectivamente, flyers de divulgação do show do ex-Iron Maiden Blaze Bayley e da super-promoção de bebidas a cada tombo de Neymar – Foto: Reprodução/Internet

Para encerrar, e ainda falando num sentido de lazer, a reportagem traz o Sir. Walter Pub (que anteriormente se chamava Balle Pub), um bar de rock (atualmente fechado) que recentemente entrou para a história da Vila da Penha devido a 2 fatos. O primeiro deles, quando ainda era Balle, ocorreu em junho de 2016, quando um dos ex-vocalistas do Iron Maiden, Blaze Bayley, fez um show solo na casa. É isso mesmo, amigos: um ex-integrante de uma das maiores bandas de heavy metal de todos os tempos se apresentou na Vila da Penha, e num espaço de pequeno porte como é a casa. O outro fato, agora já como Sir. Walter, aconteceu cerca de 2 anos depois, durante a Copa do Mundo de 2018. Na época, o atacante Neymar, da seleção brasileira, vinha sendo muito criticado por cair muitas vezes no chão durante as partidas, como se estivesse fazendo um drama desnecessário. Então, o Sir. Walter prometeu que, no jogo seguinte, que seria pela última rodada da fase de grupos, daria shot de bebida gratuitamente aos clientes a cada tombo de Neymar. A notícia viralizou – inclusive a nível mundial – e na referida partida a casa ficou completamente lotada, sendo necessário até agendamento prévio para os clientes garantirem seus lugares. E promessa é dívida, né? A cada vez que o camisa 10 da Seleção caiu, os clientes ganharam seus shots.

1591712970654288 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Torcedores vibrando com tombo de Neymar e, posteriormente, recebendo a rodada de bebidas cedida gratuitamente pela casa – Fotos: Fábio Guimarães

E aí, morador da Vila da Penha, o que ficou faltando?

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp 9 coisas que só quem mora na Vila da Penha vai entender
Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Amei essa reportagem!
    Sou cria da Vila da Penha, morei toda minha infancia e adolescência lá. Fui morar longe quando casei. Mas morro de saudades e tenho ótimas lembranças.
    Morei na Oliveira Belo, quando nem tinha calçamento ainda em 1969. Depois na Flamínia e Marco Polo.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui