Desafio energético vencido: Light ergue usina de 7MW em 36 Horas e resolve problema de climatização do Galeão

Desde quinta-feira (01) o RIOgaleão ficou sem climatização por falta de fornecimento de energia elétrica.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Equipe da empresa de engenharia PD7tech

A crise energética que afetou significativamente a Ilha do Governador, causando transtornos e queixas de turistas no Aeroporto Tom Jobim, o Galeão, está prestes a ser superada. Na quinta-feira (01), a uma semana do Carnaval, os terminais enfrentaram a paralisação do ar-condicionado, gerando desconforto para passageiros e funcionários.

Diante desse cenário, desde 14 de janeiro, o Galeão manteve geradores em operação constante para mitigar parte do problema, mas o sistema de refrigeração não estava operando. Contudo, nesta sexta-feira (2), a PD7Tech, renomada empresa do setor, foi acionada pela Light para oferecer uma solução capaz de resolver a questão da climatização.

De forma surpreendente, em apenas 36 horas, a PD7Tech ergueu uma usina de produção de energia com capacidade de 7 megawatts. Essa potência visa exclusivamente apoiar o sistema de refrigeração central, projetado para atender às demandas diárias de um aeroporto com capacidade para 500 mil passageiros. Como comparação, durante o período de 20 de dezembro a 2 de janeiro, 530 mil passageiros passaram pelos terminais, conforme dados da RIOgaleão.

A operação para instalação da usina contou com uma logística impressionante, envolvendo o transporte de 8 carretas vindas de São Paulo com escolta armada, além de uma equipe composta por 40 profissionais e 15 veículos.

Advertisement

Leia também

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

O engenheiro da PD7Tech, Franklyn Hygino, que liderou a montagem junto com os engenheiros eletricistas Marcus Vinícius e Bruno Pontes, ressaltou o desafio monumental de movimentar uma carga tão imponente em prazo tão exíguo. “A coordenação entre nossa equipe de engenheiros foi crucial para o sucesso da montagem da usina. Superar esses obstáculos demonstra a expertise e comprometimento da PD7Tech no campo da engenharia”, destacou Hygino.

Neste domingo (4), a Light realizou novo corte de energia na Ilha do Governador, com previsão de restabelecimento às 12h. A concessionária justificou a medida como necessária para recuperar o sistema de abastecimento, que está inoperante há pouco mais de uma semana. No entanto, desde este domingo, o Galeão voltou a ficar climatizado após receber energia pela rede principal. A usina que foi erguida em tempo recorde será utilizada como back up para situações emergenciais da região.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Desafio energético vencido: Light ergue usina de 7MW em 36 Horas e resolve problema de climatização do Galeão

Renata Granchi
Renata Granchi é jornalista e publicitária com mestrado em psicologia. Passou pela TV Manchete, TV Globo, Record TV, TV Escola e Jornal do Brasil. Escreveu dois livros didáticos e atualmente é diretora do Diário do Rio. Em paralelo, presta consultoria em comunicação e marketing para empresas do trade.
Advertisement

3 COMENTÁRIOS

  1. Q matéria passa pano!!! Ode à empresa q montou a “usina”. “Problemas d fornecimento de energia”? Nada, resultado d privatizações d setores estratégicos q mercantilizam serviços essenciais à sociedade. Demitem funcionários; economizam em manutenção preventiva; diminuem investimentos. Tudo em detrimento da população e em prol d aconistas.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui