Em meio ao risco de fechamento das policlínicas, Secretário de saúde de Niterói tirou férias

Em meio a incerteza da renovação do contrato dos profissionais, o secretário municipal de saúde tirou alguns dias de férias

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Reprodução/Internet

Oito policlínicas de Niterói poderão ficar sem atendimento a partir de 1ª de janeiro. No último dia de dezembro se encerra o contrato dos profissionais da saúde e até o momento a prefeitura de Niterói não enviou para a Câmara Municipal a mensagem executiva que autoriza a renovação dos contratos dos profissionais.

Durante a última sessão da Câmara Municipal (22/12), passou pela casa o requerimento que pedia a convocação do secretário municipal de saúde, Rodrigo Oliveira, solicitando explicações acerca da falta de renovação dos contratos. A votação não ocorreu por falta de quórum.

Em meio a incerteza da renovação do contrato dos profissionais, o secretário municipal de saúde tirou alguns dias de férias.

Em seu perfil nas redes sociais Rodrigo Oliveira mostrou fotos de uma ida a Paris e enviou mensagem de natal dizendo ser a época propícia para esquecer os problemas, “Chegou a data mais especial do ano, uma época de paz e harmonia que nos permite esquecer um pouco dos problemas e reunir as pessoas que amamos em volta da mesa”, disse o secretário.

Advertisement

Leia também

Águas do Rio alega não saber sobre situação da Cedae mas presidente foi diretor da empresa – Bastidores do Rio

Antiga garagem da Silveira Martins é vendida por R$19,7 milhões a incorporadora

Segundo assessoria do secretário, Rodrigo Oliveira já retornou das férias.

Em nota, a Secretaria de Comunicação da prefeitura de Niterói informou que há previsão de um novo chamamento do banco de reserva dos aprovados no Concurso Público da FeSaúde com previsão para o início do ano que vem, mas não se pronunciou sobre a renovação do contrato dos profissionais.

Cerca de 241 profissionais poderão ficar desfalcados nas policlínicas do município.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Em meio ao risco de fechamento das policlínicas, Secretário de saúde de Niterói tirou férias

Advertisement

2 COMENTÁRIOS

  1. Se fossem servidores públicos isso não aconteceria. Por lei o serviço publico tem que ser com concursado. Nesses moldes atuais se gasta mais. Quanto sai dos cofres públicos pra manter terceirizados? E isso é papo, daqui a pouco entram os novos contratados, é assim, todos sabem, contratos temporários acabam e começam outros. Sem segurança nenhuma para o usuário.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui