Imagem do Pão de Açúcar que baseia movimento contrário à tirolesa mostra construções que já existem

Croqui que mostra um Pão de Açúcar “cheio de concreto” e vem sendo usado por pessoas contrárias a tirolesa, na verdade é da obra já existente há décadas.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação Bondinho

A falta de caráter ou a ignorância imperam no mundo e não é diferente no Rio de Janeiro; o movimento contrário a Tirolesa do Pão de Açúcar está aí, e não me deixa mentir. Os comentários dos contrários à tirolesa ou são para me xingar, para criticar uma suposta sanha capitalista dos empresários, ou mesmo para dizer que o grito de quem ousar passear pela tirolesa vai incomodar os moradores, ou matar bichinhos do coração. Ah, teve quem sugerisse que a tirolesa fosse instalada em Bangu para levar turistas pra lá… aposto que o sonho desta pessoa é conhecer Edueim, no Sudão do Sul.

Mas para reafirmar suas opiniões, os pseudo-ambientalistas e os urquinos mostram croquis (imagens virtuais de rendering) de uma obra imensa no Pão de Açúcar, que descaracterizaria completamente a região. CHOCANTE! Puro asfalto, tirando toda a vegetação nativa que dá beleza à região. Mas aí um pouco de pesquisa mostra que… a imagem simplesmente mostra o que já existe no local! Trata-se de mera modelagem volumétrica da situação atual; só que sem às árvores que escondem a construção. Foram feitas uma série de modelagens 3D para entender o relevo e as construções existentes. Tudo que aparece nessas imagens já existe, e existe há décadas. Só que o mato cresceu em volta e disfarçou.

modelagem volumetrica da situacao atual do Pao de Acucar Imagem do Pão de Açúcar que baseia movimento contrário à tirolesa mostra construções que já existem
modelagem volumetrica da situacao atual do Pao de Acucar 1 Imagem do Pão de Açúcar que baseia movimento contrário à tirolesa mostra construções que já existem

Quem com a vegetação fica da forma que conhecemos hoje:

rio de janeiro 2406219938 2 Imagem do Pão de Açúcar que baseia movimento contrário à tirolesa mostra construções que já existem
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Nos comentários ainda li alguém falar que seria mais “um fio” enfeiando a paisagem… os cabos do “Bondinho” têm 100mm, da Tirolesa, 15mm. A maior parte da obra será realizada no mesmo lugar. Uma obra já totalmente licenciada. E agora, será que os pseudo-ambientalistas ainda reclamarão, ou o Minc já pode ir denunciar as invasões ilegais, como a da Catacumba na mesma Zona Sul?

Advertisement

Leia também

Rio terá observatórios para estudos climáticos; 1º será no Complexo do Alemão

Balão é ‘abatido’ antes de cair no Aeroporto do Galeão

E, enquanto isso, as autoridades do Rio não dão um pio sobre este importante avanço, mais que necessário ao no Turismo da cidade.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Imagem do Pão de Açúcar que baseia movimento contrário à tirolesa mostra construções que já existem

Advertisement

12 COMENTÁRIOS

  1. Claro, claro. O que vai salvar o turismo do Rio é a tirolesa. Afinal, o problema da cidade não é a falta de limpeza, de segurança, não é a falta de um aeroporto com vôos regulares e do qual se consiga chegar e sair sem ser baleado ou assaltado. O que falta ao Rio é uma tirolesa!!! Quem sabe olhando pra cima, vamos esquecer dos nossos problemas no chão, enquanto desviamos dos cocôs de cachorro, dos batedores de celular, e das balas perdidas!…
    Quer saber? Querem fazer, façam. Só não usem dinheiro público nisso.

  2. Basta ir à enseada de Botafogo, percorrer o trajeto da ciclovia e buscar admirar o Pão de Açúcar por um dos ângulos que olhando bem para o Cartão Postal e comparando com outras imagens, antes captadas, para enxergar.

    Antes as imagens são belas e harmônicas dos bondinhos de lado a outro e se cruzando…

    Já hoje temos as dezenas de outros cabos de aço de um lado ao outro destinados à Tirolesa…

    Pergunte a qualquer fotógrafo profissional.
    Os cabos de aço para Tirolesa geraram uma desarmonia na composição.
    É preciso usar recursos de trabalho de edição de imagens para suprimir os cabos de aço.

    É como o imponente Maracanã. Antes, cor azul, que ainda estampa fotografias de cartão postal em bancas e campanhas e a feiúra da cor concreto atual.

  3. Agora favela pode construir a vontade, pode ter tráfico fortemente armado, ninguém vê problema na natureza sendo destruída que é o grande ativo turístico da cidade e do estado sendo arrasado por hordas de habitações precárias. Favela virou um projeto eleitoral muito lucrativo para os políticos cariocas/fluminenses. Cada favela dessa é uma nova associação de moradores que tbm é política, mas um local para fazer clientelismo e política da bica d’água, mas um presidente de associação para colocar no gabinete do vereador ou deputado, isso tudo ai pode sim mas construir uma tirolesa AI MEU DEUS VAI DESTRUIR O RIO DE JANEIRO.

    Hipócritas e canalhas. A canalhice política do Rio não tem ideologia, o importante é aparecer nas favelas no período eleitoral com sorriso no rosto.

    • Pare de falar merda. Uma coisa justifica a outra? Favela é questão social. A paisagem do Pão de Açúcar é tombada. sabe o que significa isso?

  4. Trabalho com turismo a trinta e três anos, e sim, é absurdo a idéia de construir uma tirolesa no Pão de Açúcar, um lugar que já é um caos para se visitar, com filas dantescas, e sem estrutura logística nenhuma. Ainda querem piorar com a construção de algo que irá interferir na paisagem natural, por ganância financeira. Faça me o favor!

  5. Totalmente à favor da tirolesa. O Pão de Açúcar ( e o Rio) tem lugar para quem busca o contemplativo , assim como para quem prefere uma aventura mais radical.
    Só lembrar o sucesso da tirolesa no RockinRio.
    Que venha MAIS ATRAÇÕES !!!

  6. Nunca vi voce defender uma causa com tanto empenho. E agora vem defendendo ferozmente esta obra indefensável, inútil e destruidora, com o pretexto de incrementar o turismo. O turismo no Rio se faz pelas suas belezas naturais e não é uma cretinice de ?irolesa num morro tombado que vai trazer turista. Tá na cara que é por dinheiro!!!! Querem monetizar e privatizar o Rio inteiro. Mas logo você??!!
    Acho que esta sua defesa já está pegando mal

    • Elizabeth, veja bem os voos de Asa Delta e Parapente em São Conrado.

      Trabalho com turistas, e desde que comecou a obra lanno Pão de Açúcar e eles leem que haverá uma tirolesa, as 2 coisas que dizem é:
      “MEU DEUS QUE LOUCURA DEVE SER PULAR ISSO!”, seguido de :
      “Agora eu tenho mais uma coisa para fazer quando voltar ao Rio!”

  7. Nunca vi voce defender uma causa com tanto empenho. E agora vem defendendo ferozmente esta obra indefensável, inútil e destruidora, com o pretexto de incrementar o turismo. O turismo no Rio se faz pelas suas belezas naturais e não é uma cretinice de ?irolesa num morro tombado que vai trazer turista. Tá na cara que é por dinheiro!!!! Querem monetizar e privatizar o Rio inteiro. Mas logo você??!!
    Acho que esta sua defesa já está pegando mal

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui