Jornalista Gilson Ricardo será enterrado nesta segunda-feira

‘Gilsão’ faleceu no último domingo, (22/01), aos 74 anos, devido a um infarto fulminante

Foto: Reprodução/Rádio Tupi

O corpo do jornalista Gilson Ricardo, radialista que faleceu aos 74 anos no último domingo, (22/01), será velado, a partir das 11 horas da manhã, na sede do Flamengo, na Gávea, Zona Sul do Rio. O enterro acontece às 15h30 no cemitério da Cacuia, na Ilha do Governador, Zona Norte.

Gilson morreu devido a um infarto fulminante.

Gilsão, como era conhecido, foi um ícone na história do rádio carioca. Ele começou sua carreira aos 20 anos, na Rádio Difusora de sua cidade natal, e trabalhou durante 35 anos na Rádio Globo, onde foi apresentador e comentarista esportivo.

Formou um famoso trio no jornalismo esportivo com o narrador José Carlos Araújo e Gerson, o “Canhotinha de Ouro”. O jornalista também passou pelas TVs Band e SBT e pelas rádios Bradesco Esportes FC, Transamérica e Rádio Tupi, onde estava trabalhando desde 2015.

O Flamengo, clube de coração do Gilson, além de Fluminense e Botafogo prestaram solidariedade nas redes sociais aos familiares. O locutor José Carlos Araújo deixou sua homenagem ao amigo, definindo Gilson como um cara excepcional, de um alto astral incrível e que marcou seu nome na história da comunicação brasileira.

Advertisement

1 COMENTÁRIO

  1. Vá em paz Gilsão…fez gerações de cariocas passarem a amar esse negócio chamado futebol com o seu trabalho competente assim como de todos os grandes radialistas e operadores de transmissão que nos fizeram e ainda fazem “ver” o jogo pelas ondas do rádio.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui