Os mais gatos e gatas da Prefeitura do Rio

A febre do Ozempic na Prefeitura do Rio não é por acaso, o que não falta no 1º escalão de Eduardo Paes é gente bonita, veja alguns

A febre do Ozempic na Prefeitura do Rio não é por acaso, o que não falta no 1º escalão de Eduardo Paes é gente bonita. Obviamente que todos muito capazes, a beleza não interfere no currículo Lattes deles, ou no que fazem em seus cargos. Inclusive, a maioria dos aqui listados não estão lá por motivos políticos, e sim técnicos. É daquelas injustiças da natureza, bonitos, inteligentes e competentes.

Há uma piada americana que diz que Washington é Hollywood, só que com gente feia. Mas aqui é Rio de Janeiro né…

Marcelo Calero

O ex-ministro da Cultura, ex-secretário de integridade pública e 1º suplente de deputado federal do PSD, o diplomata Marcelo Calero é nome obrigatório na lista. Inclusive seu Instagram é uma mistura de perfil pessoal e político.

Joyce Trindade

E a bela Joyce Trindade, Secretária de Políticas e Promoção da Mulher? Ela é graduada em Gestão Pública pela UFRJ, cofundadora do Projeto Manivela e do Podcast Expresso 2222. Joyce também atuou como analista de redes e diversidades na República.org, além disso é conselheira e articuladora no movimento Mulheres Negras Decidem e colabora no PerifaConnection.

Brenno Carnevale

O delegado Brenno Carnevale virou fitness e está causando suspiros pelos corredores do CASS. Não são poucas que dizem ao Secretário de Ordem Pública “Vem colocar ordem aqui em casa“. Ele é formado em direito pela PUC, com pós-graduação em Ciências Criminais e Segurança Pública pela UERJ

Rafaela Bastos

A multidisciplinar Rafaela Bastos, presidente da Fundação João Goulart, tinha de estar na lista e o que lhe sobra de beleza, também sobra no currículo. Ia tentar resumir as competências em seu LinkedIn, mas é praticamente impossível. Me pergunto em que momento ela consegue fazer tanta coisa, cuidar dos servidores, de si própria e ainda estudar tanto.

Pedro Paulo

Pedro Paulo é o mais antigo aliado do prefeito Eduardo Paes e, infelizmente, não achei nenhuma foto dele sem camisa. Pensei até em procurar nas redes da Tati Enfante, a cara metade famosa do deputado, e que faz ele passar vergonha em casa stories e reels que sobe no Instagram, mas fica uma cantada dela. Pedro, além de deputado atuante, foi muita coisa na Prefeitura e sempre excedendo as expectativas.

Talita Galhardo

E falando em digital influencer, a subprefeita de Jacarepaguá, Talita Galhardo, é do tipo que pedem para tirar foto no meio da rua. Doidinha do tipo de brigar com miliciano e de postar mil stories no Instagram de deixar qualquer um que cobre política do Rio louco, é bom não se engraçar com aquela que é chamada de Eduardo Paes de saias, ela é noiva do comandante da PM.

Chicão Bulhões

Bonito, inteligente e rico! Pois é… só que Chicão Bulhões, secretário de Desenvolvimento Econômico, é casado com uma mulher que é a cara da Gal Gadot, aí é covardia. E ainda tem uma administração que se for levada a frente por futuros governos, mudará a cara do Rio de Janeiro para sempre, como com o projeto Porto Maravalley.

Aline Borges

Pleno 2022, Ano da Copa do Mundo, Ellon Musk, e a presidente da Invisa, da Vigilância Sanitária do Município, Aline Borges, não tem Instagram. Mas garanto, ela merece estar aqui nesta lista, apesar de não entender como uma mulher com 2 filhos, viciada em açúcar e sem ir à academia consegue manter o shape que tem. Ah, e nem queira ver o currículo Lattes dela para não se sentir humilhado.

Didi Vaz

A barba do subprefeito da Zona Norte, Diego Vaz, o Didi Vaz, é uma entidade por si própria. Muito elogiado pelo trabalho feito na região, é pule de dez que futuramente pode entrar na lista de gatos e gatas da Câmara de Vereadores, hoje uma lista bem curta.

Maria Domingas Pucú

Secretária de Assistência Social, Maria Dominas Pucú tem feito um belo trabalho de combate a fome desde que assumiu a secretaria, seja dando jantar em cozinhas comunitárias, ou outras ações importantíssimas neste tema tão caro a ela. Mas tem gente que é carente mesmo de atenção dela.

Antônio Mariano

Vamos ao nome completo do cidadão: José Antônio Pérez Rojas Mariano de Azevedo, ou simplesmente Antônio Mariano, ou Mariano, ou (para os antigos). Secretário de Turismo do Rio, está nesta lista apenas por insistência de minha esposa que acha ele gato. Bom, também tem o fato de que, como chefe do turismo, representante a altura as belezas da Cidade Maravilhosa. Ah, o currículo lattes do jovem também é invejável, não leia, se não quiser entrar em depressão.

Mas fica uma dica a ele:

@papaswolio

RIP Papa ?

? original sound – Papa Swolio

Anna Laura Secco

Não é só o trabalho de Anna Laura Seco a frente da secretaria de Conservação que merece palmas não, ela também. Formada em Economia pela UCAM e Políticas Públicas pela Iuperj, tem MBA na FGV em Marketing, além de ter sido coordenadora de promoção de eventos da Prefeitura do Rio durante os Jogos Olímpicos. Depois disso tudo, que o dia quem a vê fiscalizando e inaugurando obras pelo Rio… ufa…

Tony Chalita

Calero pode ter saído da secretaria de Integridade Pública, mas deixou bonito o lugar. Em seu lugar ficou o advogado Tony Chalita, com mestrado em Direito de Estado pela PUC-SP, pós-graduado em Direito Eleitoral pela Escola Paulista da Magistratura. E ainda é namorado da musa da Cultura, Mariana Ribas, que chegou a ser pré-candidata a prefeita do Rio em 2020 pelo PSDB. Sorte a dela e azar das demais!

Jessik Trairi

Engenheira Civil pós-graduada em Administração Pública e Gestão Governamental, além de ter cursado Gestão Executiva na COPPEAD e na Columbia University. A secretária de Infraestrutura, Jéssik Trairi, trabalhou na Secretaria de Obras por 13 anos e faz parte do Programa de Líderes Cariocas desde a sua constituição em 2012. É casada, então não faremos nenhuma piada sobre obras, infraestrutura ou outras que caberiam muito bem aqui.

Raphael Lima

Menino do Recreio dos Bandeirantes, defensor do Canal das Taxas, bom filho e pai, o subprefeito da Barra, Recreio e Vargens, Raphael Lima, é querido e muito por sua competência e carisma, mas por outros pode ser pelo sorriso, a barba sempre bem-feita ou o fato de nunca ter tido sinal de uma barriga.

Gustavo Freue

Também conhecido como “Gringo“, o argentino Gustavo Freue, o secretário municipal de Habitação já fez muita gente oferecer a casa para ele, ou o quarto. Trabalhando há anos próximo do presidente da Câmara de Vereadores do Rio, Carlo Caiado, além de ter sido secretário de Esportes. Ele foi o primeiro estrangeiro a comandar uma pasta na Prefeitura do Rio.

Eduardo Paes

Menção honrosa, tá com uma certa idade, mas quando era jovem dava um caldo.

Advertisement

13 COMENTÁRIOS

  1. Realmente tem muito colirio na prefeitura do Rio. Aos que criticaram a matéria digo o seguinte: a vida também é feita de assuntos menos importantes. Calma, gente. Matéria aprovadissima.

  2. A imprensa brasileira é muito, muito medíocre, hipócrita…

    – Câmera de Vereadores do Rio um cabide de emprego e que gasta milhões do contribuinte carioca;
    – Tribunal de Contas do Município do Rio, outro cabide de emprego e que custa mais de R$ 230 milhões de reais por ano para o cidadão carioca;
    – Prefeitura do Rio de Janeiro com milhares de assessores inúteis… um prefeito incompetente e fanfarão…
    – Assembleia Legislativa do RIO, ALERJ, meu Deus .. segure a carteira…
    – Governo do Estado do Rio de Janeiro, cabide de empregos, e foco de corrupção, vide Ceperj.

    Enfim… O Diário do Rio prefere reportagens fúteis, inúteis… REALMENTE, O BRASIL PRECISA DE UM CHOQUE DE REALIADE E NOSSA IMPRENSA É UMA MERDA QUE COMPACTUA com desmandos e corrupção em todo o Brasil.
    Diário do Rio, mais uma a morrer aos poucos…

  3. Hahahahahahahahah koé diário do Rio, tá fazendo bico de agência de modelos agora? Kkkkkkk essa publicação tinha que rolar em revista de fofoca, ou no tv fama, kkkkk sem contar que as pessoas nem são tão bonitas assim, na câmera da copa do mundo aparecem várias melhores kkkkk aí é complicado hein diário, era o que tinha pra hoje? Kkkkkkk

  4. Nossa que pauta necessária, não tinha nenhuma artista atravessando a rua para ir na praia? Seria mais produtivo!
    Prefeitura tá bancando o site???
    Bora fazer jornalismo meu povo

  5. Um dos artigos mais comoventes e necessários que já tive a alegria de ler. Tudo no Rio anda às mil maravilhas, podemos nos dar ao luxo de usar nosso tempo exaltando a beleza física dos funcionários públicos e dos políticos da cidade! Para isso serve o jornalismo, passar 4 anos numa universidade e usar o talento para uma matéria tão edificadora.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui