Polícia fecha central clandestina de credenciais falsas para o Sambódromo

No local, foram encontradas as credenciais falsas, bem como equipamentos para sua produção. A investigação está em andamento para identificar todos os envolvidos

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Reprodução

Policiais civis da projeção da 6ª DP (Cidade Nova) no Sambódromo localizaram e fecharam uma central clandestina de produção de credenciais. Os documentos falsos dariam acesso ilegalmente à Marques de Sapucaí.

Os agentes obtiveram informações de inteligência de que credenciais para o Sambódromo estavam comercializadas. Imediatamente, uma equipe foi até uma gráfica no Shopping Rio Sul, na Zona Sul do Rio, para verificar a informação. No local, foram encontradas as credenciais falsas, bem como equipamentos para sua produção. A investigação está em andamento para identificar todos os envolvidos.

A gerente e 2 funcionários foram conduzidos para a base da Sapucaí para prestar esclarecimentos. Eles responderão por falsificação de documento privado.

O DIÁRIO DO RIO já havia divulgado que pelo menos 50 credenciais para transitar pela Marquês de Sapucaí durante os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro estariam sendo vendidas ilegalmente.

Advertisement
Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Polícia fecha central clandestina de credenciais falsas para o Sambódromo
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui