Foto: Reprodução/Internet

Na próxima segunda-feira (13/01), os 40 trens chineses retirados de operação pela SuperVia em novembro, devem voltar a circular. A informação, confirmada pela concessionária, é do ”Blog do Edimilson Ávila”, do portal ”G1”.



Siga nossas redes e assine nossa newsletter, de graça

Jornalismo sério, voltado ao Rio de Janeiro. Com sua redação e colunistas, o DIÁRIO DO RIO trabalha para sempre levar o melhor conteúdo para os leitores do site, espectadores dos nossos programas audiovisuais e ouvintes dos nossos podcasts. O jornal 100% carioca faz a diferença.

A tendência é que os trens retornem à circulação equipados com caixas de engrenagem (novas e temporárias).

Na última terça-feira (07/01), cumprindo medida que estava prevista em acordo assinado pela Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (DPRJ), a SuperVia doou 130 mil bilhetes a passageiros que acabaram sendo afetados pela retirada das composições de circulação.

À época, a SuperVia argumentou que os trens tiveram que ser retirados de circulação por conta de falhas detectadas nas caixas de tração, fabricadas pela empresa alemã Voith.

De acordo com a DPRJ, ”a medida corresponde ao pagamento de indenização social e coletiva de R$ 600 mil, por danos morais, em razão dos problemas enfrentados na ocasião por usuários”.

A informação também foi confirmada pela SuperVia.

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui