Tirolesa do Pão de Açúcar tem parte da obra suspensa pela Prefeitura

Previsão é que atração comece a funcionar no segundo semestre

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Foto: Divulgação Bondinho

Um trecho das obras da tirolesa do Pão de Açúcar foi paralisado pela Prefeitura do Rio de Janeiro. O motivo é um parecer técnico solicitado pela Secretaria Municipal de Ambiente e Clima (SMAC), sobre as perfurações na rocha. O pedido foi feito para a Geo-Rio, órgão responsável pela gestão do risco geológico-geotécnico.

Um dos cartões postais mais famosos do mundo, o Pão de Açúcar é tombado pelo Instituto Nacional de Patrimônio Histórico e Artístico (Iphan) desde 1973 e desde 2012 reconhecido como Patrimônio Mundial pela Unesco.

A implementação da nova atração tem gerado reclamações de alguns moradores da Urca e adjacências. Um grupo, que inclui ambientalistas, tem questionado a obra. Segundo eles, a interferência na paisagem e a falta de informações sobre o projeto devem ser esclarecidas. A mobilização contra a tirolesa gerou um abaixo-assinado.

A tirolesa do Pão de Açúcar já está em obras, e tem previsão para ser inaugurado ainda no segundo semestre deste ano. O investimento total é de R$ 50 milhões.

Advertisement

Leia também

Terminal Gentileza começa a operar para população; veja detalhes

Pedro Paulo cada vez mais certo como vice de Eduardo Paes – Bastidores do Rio

Promessa de um novo ponto turístico queridinho da cidade

Além de ter uma vista privilegiada das belezas da Cidade Maravilhosa, os visitantes do equipamento radical vão viajar içados por cabos de aço durante cerca de 50 segundos a uma altura de 755 metros. A velocidade máxima do percurso, que terá controle magnético, pode atingir a velocidade máxima de 100km/h.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Tirolesa do Pão de Açúcar tem parte da obra suspensa pela Prefeitura

Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui