O Viradão Cultural é um dos eventos mais esperados de São Paulo, e no Rio de Janeiro aconteceu entre 2009 e 2013. Agora o vereador Zico Bacana (Podemos) apresentou o Projeto de Lei nº 509/2017 que propõe que o evento seja efetivado como política pública do município, com data marcada para acontecer, sempre no último fim de semana de abril.

O evento deverá ter duração de 24 horas ininterruptas, e contemplar manifestações artísticas e culturais em diversos bairros da cidade do Rio. Para agradar a todos os públicos, as atrações deverão contemplar a diversidade das faixas etárias, e possibilitar a participação de novos talentos e de artistas consagrados.

Além disso, a pluralidade de formas de expressão artística e a espontaneidade de manifestações culturais deverão ser contempladas, com apresentação, exposição e oficinas de artes plásticas, visuais e performance; literatura; atividade circense; cultura popular e artesanato; dança; teatro; entre outros.

A proposta estabelece ainda que o Viradão Cultural Carioca poderá ser antecedido por festivais de menor porte, realizados pelas superintendências de supervisão regional. O objetivo é que estes festivais sirvam de triagem para a seleção das atrações que farão parte do evento principal. Será criado o selo ‘Eu Participo do Viradão Cultural Carioca’, a ser concedido aos espaços privados, devidamente regularizados, que queiram aderir à programação do evento, mediante contrapartidas e critérios a serem fixados em regulamento próprio.

O Poder Executivo será o garantidor da infraestrutura necessária para a realização do Viradão Cultural Carioca, o que compreende, entre outros pontos, fiscalização e segurança pública; ordenação do sistema viário; postos médicos e resgate móvel; banheiros químicos; locais para disposição e coleta dos resíduos gerados, preferencialmente segregados para encaminhamento à reciclagem; e limpeza.

Para o autor do projeto de lei, os benefícios do evento para a cidade do Rio de Janeiro extrapolam a esfera cultural. “Ele possui um efeito em cascata que movimenta e leva benefícios a diversas áreas da economia carioca, como comércio e prestação de serviços”, afirma Zico Bacana. O vereador lembra ainda que as edições realizadas no Rio contaram com a adesão do público carioca, e registrou, também, uma grande presença de visitantes de outras cidades e estados.

Em novembro deste ano chegou a acontecer o Viradão Cultural Suburbano, mas não tinha relação com os eventos anteriores.

1 COMENTÁRIO

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui