Ação da prefeitura mira ‘lixões’ clandestinos de Copacabana

Fiscalização tem o objetivo de impedir a proliferação de entulho nas esquinas do bairro; problema que vem tirando o sono dos moradores

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Ação contra o acúmulo de lixo em Copacabana (Foto: Divulgação SEOP)

Agentes da Secretaria de Ordem Pública (SEOP) realizaram uma ação de ordenamento urbano na Rua Xavier da Silveira, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. A operação, segundo a pasta, tem sido feita durante a madrugada há mais de um mês. Os trabalhos estão sendo feitos em conjunto com a Comlurb, que auxilia no recolhimento de lixo nas ruas.

Segundo a pasta, ao todo, meia tonelada de rejeitos já foram retiradas das ruas e descartadas. Nesse período, os fiscais da SEOP apreenderam 22 facas, 31 objetos perfurocortantes e 20 materiais para uso de entorpecentes que estavam sob o poder de moradores de rua.  

Nesta semana, o DIÁRIO DO RIO denunciou o problema recorrente do acúmulo de lixo entre as ruas Xavier da Silveira e Aires Saldanha. A situação decorre da ação irregular de catadores de lixo que migraram para o trecho, após deixarem o “Centro de Reciclagem” clandestino que funcionava na Rua Dias da Rocha.

Em abril, o DIÁRIO DO RIO já tinha chamado atenção para o tema em uma matéria que tratava da desordem em todo o bairro. Na ocasião, foi mostrado como os lixões ilegais têm afetado a rotina de moradores e turistas na área. A presença massiva de camelôs no calçadão e de usuários de drogas que vivem nas ruas e ameaçam os transeuntes foram alguns dos problemas expostos pela matéria.

Advertisement

A SEOP faz abordagens diárias na área de Copacabana como um todo, especialmente também na rua Xavier da Silveira. Já recolhemos, inclusive, diversos materiais naquela região, já fizemos a apreensão de itens perfurocortantes, simulacros de armas, enfim, é um trabalho que a gente vem fazendo com foco no ordenamento, mas também com foco em colaborar com a segurança pública naquilo que o município pode fazer, sempre focados, obviamente, na parte de permitir que quem quer acolhimento seja acolhido, mas também de não permitir que as pessoas façam da via pública o que bem entender”, destacou o Secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Ação da prefeitura mira 'lixões' clandestinos de Copacabana
Advertisement

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui