Em São Gonçalo, guardas municipais apreendem uma tonelada de cobre furtado

Agentes da Guarda Municipal chegaram ao local onde o material estava sendo furtado, Os ladrões fugiram, abandonando um caminhão onde o material foi colocado

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
Imagem meramente ilustrativa / Foto: Pixbay

Em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, equipes da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), da Guarda Municipal da cidade, recuperaram aproximadamente uma tonelada de fios de cobre que estavam sendo furtados. O crime ocorreu na madrugada deste domingo (11), na Rua Jovelino de Oliveira Viana, no bairro Alcântara.

Os agentes, que estavam em uma ronda por volta das 3h da madrugada, chegaram ao local após serem acionados por membros da Central de Segurança de São Gonçalo (CSSG), sistema diuturno de videomonitoramento, que conta com mais de 300 câmeras instaladas em pontos estratégicos de São Gonçalo.

Nas imagens captadas, os agentes verificaram uma movimentação suspeita de possível furto de fios de cobre, no subsolo da Jovelino de Oliveira Viana, nas proximidades de um posto de gasolina.

Na abordagem, os guardas da ROMU presenciaram a fuga de três criminosos. Os bandidos abandonaram um caminhão no qual armazenavam o material furtado – aproximadamente 300 metros de fios de cobre – quase uma tonelada de peso.

Advertisement

A polícia investiga os autores do crime. O material apreendido – fios de cobre e caminhão – foi encaminhado à 74ª DP (Alcântara), local de registro da ocorrência.

O DIÁRIO DO RIO tem denunciado de forma incansável o furto de cobre no Rio de Janeiro, bem como os seus receptadores. No dia 17 de outubro de 2023, o veículo noticiou a prisão de três homens, no bairro do Rio Comprido, Zona Norte da cidade, que obrigaram uma taxista a transportar aproximadamente 150 quilos de cobre. Os ladrões foram presos e encaminhados à 19ª Delegacia de Polícia, na Tijuca, onde a ocorrência foi registrada.

Em 30 de agosto do ano passado, o jornal noticiou a operação conjunta realizada pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) e por policiais do 3°BPM, em três endereços do bairro do Méier, também na Zona Norte da capital. Na ocasião foram apreendidos 50kg de cobre e mais de 100kg de cabos, em ferros-velhos locais. Em um dos locais também foram encontrados três machados, cinco ponteiras, 30 facas, um alicatão e duas marretas, para o furto do material.

No dia 13 de julho do mesmo ano, o jornal informou que uma incursão da SEOP e da Subprefeitura da Zona Norte em um ferro-velho clandestino no bairro da Penha, resultou na apreensão de 155 quilos de cobre, sem procedência. No local, os agentes encontraram até postes de iluminação, que seriam vendidos, além de uma arma.

Em Manguinhos, na Zona Norte, os agentes da Secretaria de Ordem Pública interditaram um ferro-velho ilegal, onde encontraram mais de 20 toneladas de fios e cobre. No local, os agentes ainda encontraram cães e galos, todos vítimas de maus-tratos. A Secretaria de Proteção e Defesa dos Animais e a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente tiveram que ser acionadas para resgatar os animais.

São inúmeros os casos de furtos de cabos na capital fluminense e na região metropolitana do Estado. O prejuízo das empresas e da população é incomensurável. A receptação desse material é uma das fontes de um problema difícil de ser combatido e que requer urgência e ações incisivas dos poderes públicos.

Com informações de O São Gonçalo.

Advertisement
Receba notícias no WhatsApp
entrar grupo whatsapp Em São Gonçalo, guardas municipais apreendem uma tonelada de cobre furtado
Advertisement

2 COMENTÁRIOS

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui