Ousadia nos ares: Cracudos se penduram em poste alto para furtar semáforo

Crime ocorreu no Grande Méier, onde a Prefeitura contabilizou prejuízo de R$ 650 mil em 2022

O carioca parece que não sabe mais como se proteger dos furtos de objetos metálicos dos usuários de crack. Desta vez, um homem resolveu ter talento para subir em um poste alto e, com muito equilíbrio, pegar um semáforo da Avenida Marechal Rondon, no Grande Méier, na Zona Norte do Rio, arrebentando cabos nos dentes.

A “inovação” foi flagrada em vídeo na madrugada de terça-feira (03/01) e espalhado pelas redes sociais, inclusive no portal “Rio de Nojeira”. O homem foi preso e o sinal já foi reparado, de acordo com a Subprefeitura da Zona Norte. Segundo a CET-Rio, em 2022, o município teve um prejuízo de quase R$ 5 milhões por causa de furtos em sinais. Só na região, mais de R$ 650 mil. 

Além dos patrimônios públicos, empreendimentos privados também entram na rota dos criminosos na região. Paralela à Marechal Rondon, a Rua 24 de Maio concentra várias incidências de furtos de objetos metálicos. O restaurante Nosso Canto chegou a fechar logo após ser inaugurado por conta de furtos. Com o tempo, os bandidos depenaram o imóvel fechado, levando de ar-condicionado a sanitários. Outros dois estabelecimentos comerciais também foram invadidos e tiveram bens subtraídos por “cracudos”. “Temos medo de voltar à noite e eles estarem lá, furtando”, diz uma moradora que não quis se identificar.

Ainda nesta semana, bandidos levaram a parte metálica de uma mangueira de incêndio em um prédio no Rio Comprido. A Polícia Militar disse ao DIÁRIO DO RIO que deve aplicar estratégia para coibir esse tipo de crime, incluindo com treinamento de porteiros do bairro.

A expectativa é de que a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Ordem Pública comecem operações para internar os mendigos com dependência química compulsoriamente, ou seja, inclusive com resistência do usuário.

Formada em Comunicação Social desde 2004, com bacharelado em jornalismo, tem extensão de Jornalismo e Políticas Públicas pela UFRJ. É apaixonada por política e economia, coleciona experiências que vão desde jornais populares às editorias de mercado. Além de gastar sola de sapato também com muita carioquice.
Advertisement

19 COMENTÁRIOS

  1. Ladrão de ( fios,sinal de transito,placas,monumentos e outros se for pego no alto (poste,monumentos,agarrado em sinais etc…) em fragante deve ser descido pulando do local ou levando um tiro, depois é só levar para um hospital. So assim vai pensar 2 vezes de voltar a fazer está infração…

  2. Vou te falar esse Brasil está dominado por cracudos .madrugada e deles lixo tampa de bueros portão das casas fios e etc…… ninguém faz nada ninguém se preocupa em fazer uma limpa na madrugada levar essas pessoas para um abrigo na força pq eles estão doente precisa se interna já são viciados e ficam alucinados .fazendo qualquer coisa para usar droga .aqui onde eu moro por exemplo eles já estão invadindo as casas e eu moro na subida do morro eles não tem limites .para vcs ter noção.so jesus por nós pq o homem nada faz estão preocupado com quem vai bota capa preta..muito triste isso.

  3. Essa onda de roubos e furtos de objetos metálicos aumentou no governo Bolsonaro e de seu apoiador Witzel e Cláudio de Castro, e não é nenhuma bandeira de esquerda. Cadê a PM e o Grupo de Elite da Polícia? Ficam dando tiros em pessoas no morro, invés de cuidar do policiamento no asfalto. Porque deixam esses cracudo atuarem a vontade, as vezes na porta da delegacia e do batalhão? Se o tráfico está brigando no morro deixa eles brigarem, porque esse problema é só dos viciados que sobem o morro para comprar droga. Cuidem primeiro do policiamento na cidade e só quando aqui já não tiver bandidos, e que vá para o morro.

  4. Este é o Rio que uma grande parcela de seus habitantes, construíram. É triste ver essa cidade outrora Maravilhosa chegar a esse ponto. Os desmandos com políticos corruptos se perpetrando no poder, e o povo honesto desta cidade tendo que conviver com tudo isso.
    O povo tem que se levantar e enfrentar essa situação, até quando iremos assistir e só ficar na indignação? Chegam as eleições e se colocam os meus bandidos no póder?
    Não sou carioca, mas uma parte de minha juventude gostava de ir ao Rio. Frequentava Copacabana, Tijuca etc. Hoje eu digo que o Rio não é lugar de ir, e sim de sair. Infelizmente.

  5. Acontece que os “defensores dos direitos dos manos” não deixam! Os psolistas não deixam. Os petistas não querem. Vc não sabe que isso tudo é política, não sabe???? Nunca foi pela saúde, todos esses crackudos são eleitores dos partidos de esquerda, assim como bandidos e traficantes, se acabar com eles como vão ser eleitos perpetuamente?????? Cracudo e morador de rua tinha que ser internado compulsoriamente, tratado e liberado, mas se voltasse pra rua novamente tinha que ser mandado de volta pro seu estado de origem, pra onde mora a família, simples assim, mas aqui isso não funciona, meu caro, aqui não tem nem prisão em segunda instância, lá fora se prende após a primeira condenação na justiça, aqui os ladrões ficam soltos e até viram presidente da república novamente. O resto é basófia!

  6. A minha querida Amanda raiter parece uma bobagem já sendo, vc gasta muita sola do sapato, buscando notícias mais ás bobagens quê falo apesar de correta não é costumes dos cariocas esse tipo de fala “semáforo não é pronuncia carioca mantenha sua carioquice aqui é sinal dê trânsito, não é bolacha é biscoitos como tá na embalagem, não é boca dê lobo é bueiro, não é olerite é contra cheque ou envelope dê pagamento, não é carta dê motorista é carteira,carta no Rio é correspondência, minha repórter não distorça nosso jeito e modo dê falar e se comunicar é uma bobagem pode até ser mais esses outros idiomas contamina o nosso, é só uma fala sem maiores problemas, senão daqui a pouco vc vai estar falando”curintians “

  7. Isso aí! Dando prioridade pra festinhas, bares e gastronomia, turismo e carnaval só podia resultar nisso: desatenção no que o cidadão realmente precisa. Temos câmeras na cidade do governo mas quando se precisa delas estão inoperantes, falhando ou filmando o que não deve.

  8. Se você pensa que já viu tudo, não viu nada! 

    Depois dos consagrados “Furto aos Cofres Públicos”, “Furto às Estatais”, “Furto às Vigas da Perimetral”, “Furto aos Cabos Elétricos” e “Furto às Tampas de Bueiros”, vem aí mais um campeão de bilheteria: “Furto aos Semáforos”. 

    Indicado nas categorias de “Maus Feitos Especiais”, “Melhor Filme de Bandalheira”, “Melhor Ator Cara-de-Pau”, “Melhor Roteiro Originalmente Absurdo” e “Melhor Filme Brasileiro”. 

    Em breve, num cinema perto de você. 

    Adquira já seu ingresso pela internet, evitando assim o desconforto de ficar sem recursos ao se deparar com um desses “atores” no meio do caminho para uma sala de cinema.

    “Pra frente, Brasil!”

Comente

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui